43) Cura do surdo e gago de Decápolis 
 
Marcos 7:31-31
 
Explicação e ensinamentos: 
O território de Decápolis (região das dez cidades) se situava ao norte do lago de Genezaré, na parte superior do Jordão, próximo da Síria. Os moradores eram quase todos pagãos (compare Mt 4:15- 16).
O surdo e gago, um homem infeliz, não podia aproveitar a bênção da pregação e não podia louvar a Deus (por palavras). Ouvidos e boca estavam cerrados. Vocês já louvaram a Deus por terem a audição e a fala? E, o que vocês fazem com elas? A quem serve a língua de vocês? (Compare Tito 3:5). Quão abençoado será quando ouvido e boca estiverem consagrados ao Senhor! 
O Senhor tirou o pobre doente à parte da multidão. A finalidade de Seus gestos é mostrar ao doente que Ele, o Senhor, estava disposto a ajudá-lo; fortalecendo-¬lhe assim a pouca fé. O coração do Senhor Jesus estava profundamente tocado pela triste situação desse deficiente. Mas o Senhor também estava tocado pela lamentável situação do Seu povo amado, do qual este surdo e gago bem podia ser uma figura: o ouvido dele estava fechado, tal como o ouvido do povo para as palavras do Senhor; com a boca tampouco louvavam a Deus. Porém, o Senhor agiu na Sua graça, abrindo o ouvido e a boca do infeliz. Da mesma forma, o Senhor, um dia, há de abrir os ouvidos e a boca de Israel, dando-¬lhe um novo coração (* Is 35:5,6,10). Hoje, também, neste presente tempo da graça, o Senhor leva a muitos para um lugar calmo, "à parte"; isso pode ser a solidão ou a aflição; pode ser doença, dificuldade, prejuízos, e o objetivo é desprender o coração das coisas do mundo. Ele quer renovar o coração e salvá-lo do pecado e de Satanás. Assim, então, o ouvido estará aberto para a palavra de Deus, e a boca para o Seu louvor (* Salmo 34:1-3). 
 
Devo contribuir?
Ao receber o Senhor Jesus Cristo como seu Salvador, uma das primeiras coisas que você irá aprender é que Deus é amor. Como resultado disto, você logo perceberá que o amor precisa de uma forma prática para se expressar. Você aprenderá que há uma relação entre amar e dar. Deus é um Deus que nos dá muitas coisas. Amar e dar estão intimamente ligados nas Escrituras. “O Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim” (Gl 2:20), e “Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito” (Jo 3:16). Continuar Lendo...
Desenvolvido por Palavras do Evangelho.com