J

 

 

Jaacoba É citado em "Crônicas" como descendente de Simeão e um dos líderes de sua tribo.

Jaada Filho de Aaz, neto de Mica, bisneto de Jônatas, trineto do Rei Saul,  tetraneto de Jeiel e descendente de Benjamim.

Jaadai É citado em "Crônicas" como membro do clã de Caleb, filho de Hesron (descendente de Judá), porém, não há uma identificação precisa sobre os laços entre ambos.

Jaadias Chamado de “O Meronoteu”, era o supervisor dos rebanhos de jumentos durante o reinado do rei Davi.

JAALA Descendente dos servos do rei Salomão e membro da classe dos Oblatos. Junto com seus pares foi um dos que retornaram do exílio babilônico.

Jaarsia Filho de Jerimot (Jeroam), neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.

JAAS Localidade pertencente ao país de Moab, na Transjordânia. A sua localização exata é desconhecida.

JAASAI Um dos líderes dos hebreus no retorno do exílio babilônico. Não há menção de sua ascendência.

Jaasiel (1) Em "Crônicas" é mencionado na condição de filho de Neftali (distinto do filho de Jacó) e membro da tribo de Benjamim.

Jaasiel (2) Natural de Masobia, era um dos chamados "Heróis de Davi". Estes, compunham um grupo de proeminentes guerreiros fiéis ao rei Davi.

JAASIEL (3) Descendente de Zatu e pai de Secanias, um dos comandantes dos hebreus no retorno do exílio babilônico.

Jaat (1) Filho de Reaia (Reaías), neto de Sobal, bisneto de Hur, trineto de Caleb, tetraneto de Hesron e descendente de Judá.

Jaat (2) Filho de Lebni, neto de Gerson, bisneto de Levi, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.

Jaat (3) Descendente de Merari e de Levi era um dos chefes dos trabalhos da reforma do Templo em Jerusalém que foi determinada pelo rei Josias.

Jaat (4) Filho de Salomit, neto de Isaar, bisneto de Caat, trineto de Levi e tetraneto de Jacó.

Jaat (5) É citado em "Crônicas" como filho de Semei e descendente de Gerson e de Levi. Jaat foi um dos chefes dos serviços no Templo em Jerusalém.

JAAZANIAS Filho de Azur, seria um dos líderes da corrompida Jerusalém que o Profeta Ezequiel vislumbrou.

Jaaziel Filho de Zacarias, neto de Banaías, bisneto de Jeiel, trineto de Matanias e descendente de Asaf e de Levi. Foi Jaaziel quem profetizou a vitória de Josafá, rei do "Reino de Judá",  contra os maonitas e seus aliados.

Jabel Filho de Ada e de Lamec, neto de Lamec (homônimo), bisneto de Matusael, trineto de Maviael, tetraneto de Irad e descendente de Caim. Foi o antepassado dos pastores nômades.

Jabes (1) É sinônimo de Sobeba, descendente de Cós e de Judá. Jabes foi  mais célebre que seus irmãos e, provavelmente, foi o conquistador da região homônima.

Jabes (2) Localidade da Transjordânia, situada no território de Galaad, onde agora está Der Haiwa. De Jabes resta o nome de “Uadi” (ribeirão) Jebis que é um afluente do rio Jordão. A localidade dista cerca de 11,5 km da foz do mesmo.

Jabes de Galaad Ver Jabes, localidade da Transjordânia.

JabiN Rei de Canaã, citado em “Samuel”,  que provavelmente foi o sucessor do rei homônimo que foi derrotado e morto por Josué (o sucessor de Moisés). Jabin reinava em Hasor e subjugou os hebreus por vinte anos.

JABNE O mesmo que Jamnia. Ver Jamnia.

JABNEEL O mesmo que Jamnia. Ver Jamnia.

Jabnia O mesmo que Jamnia. Ver Jamnia.

Jaboc O rio que nasce no planalto arábico e é um afluente do rio Jordão. Outrora dividia a Montanha de Galaad em duas partes desiguais: a do norte foi dada à tribo de Manassés e a do sul à tribo de Gad.. Atualmente é conhecido como Zerka.

Jacan É citado em "Crônicas" como filho de Abiail, neto de Huri, bisneto de Jaroá, trineto de Galaad, tetraneto de Micael e descendente de Gad.

Jacó – PATRIARCA Filho de Isaac e de Rebeca, neto de Abraão, bisneto de Taré, trineto de Nacor, tetraneto de Serug e irmão gêmeo de Esaú. Ao contrário do irmão, Jacó era mais pacato e era o filho preferido pela mãe. Alguns estudiosos vêm nessa predileção um desígnio divino, pois a ele cabia a missão de gerar o “povo eleito”. Num certo dia, Jacó ludibriou o pai (já avançado em idade) e com isso conquistou a sua benção e, colateralmente, o ódio de Esaú que jurou matá-lo. Rebeca, para salvá-lo, enviou-o para a casa de Labão (seu irmão) onde serviu por vários anos e onde se casou com as duas filhas (Lia e Raquel) do tio. Com elas (e com as servas das mesmas) Jacó gerou doze filhos que se tornaram os patriarcas das doze tribos de Israel e os ancestrais das principais figuras da Bíblia.  Jacó é um nome hebraico que provém da mesma raiz que “calcanhar”, numa alusão ao fato de Jacó estar segurando o calcanhar de Esaú quando do nascimento de ambos. Após ter saído da casa de Labão e de ter lutado contra um Anjo, Jacó teve o seu nome mudado por Javé para Israel. Ver Israel.

Jacó Pai de José e avô de Jesus, o Messias. Era filho de Matã, neto de Eleazar, bisneto de Eliud, trineto de Aquim e descendente da linhagem do rei Davi.

Jacoba Membro da tribo de Simeão, era o chefe de seu clã. Como seus pares, era pastor nômade e vagava pelo deserto que circunda Gerara.

Jada Filho de Onam, neto de Jerameel e de Atara, bisneto de Hesron, trineto de Farés e tetraneto de Judá.

Jadai É citada como membro do clã de Caleb, o filho de Hesron, e descendente de Judá. Porém, não há uma definição clara sobre as suas relações de parentesco.

JADAIAS (1) Filho de Harumaf, foi um dos que ajudaram na reconstrução de Jerusalém, após o exílio babilônico, sob a supervisão de Neemias.

JADAÍAS (2) Sacerdote que descendia de Jesus (homônimo do Messias) e de Josédec. Jadaias era o ancestral de uma das famílias hebréias que retornaram do exílio na Babilônia.
JADAU Descendente de Nebo, foi um dos líderes dos hebreus que retornaram do exílio babilônico

Jadiael Filho de Benjamim, neto de Jacó, bisneto de Isaac,  trineto de Abrão e tetraneto de Taré.

Jadiel Filho de Meselemia e descendente de Coré e de Levi. Era um dos “Porteiros” do Templo em Jerusalém.

Jado (1) É citado em "Crônicas" como filho de Buz e descendente de Gad.

Jado (2) Filho de Zacarias, era o chefe da meia tribo oriental de Manassés durante o reinado de Davi.

JADON Natural de Meromot, foi um dos que ajudaram na reconstrução de Jerusalém, após o exílio babilônico.

JADUA Filho de Jocanan, descendente de Levi e patriarca da família de Jesus (filho de Josedec), era um dos Sumos Sacerdotes na época que Alexandre conquistou a Pérsia, permitindo o retorno dos hebreus do exílio babilônico.

Jael Esposa do quenita Héber. Foi Jael quem matou Sísara – general de Jabin – que estava refugiado em sua tenda. Esse assassinato coroou a vitória que Débora e Barac infringiram a Jabin, libertando, assim, os judeus subjugados.

JAFA (JOPE) Localidade situada na costa do Mediterrâneo, no território da meia tribo ocidental de Dã, no inicio da planície do Saron. Também é chamada de Jope. Em hebraico o seu nome é grafado  “Jafô”  e em árabe “Jafã”. Era o único porto importante em toda Palestina.

Jafé (1) Filho de Noé, neto de Lamec, bisneto de Matusalém, trineto de Henoc e tetraneto de Jared. Ante a nudez e a embriagues de Noé cobriu-o e, por isso, foi abençoado pelo pai. Porém, a sua descendência sempre ocupou um lugar inferior em relação à de Sem, os semitas.

JAFÉ (2) Localidade citada em  “Judite” cuja posição geográfica é desconhecida, mas que provavelmente era limítrofe com a Arábia.

Jafetitas Os povos Indo-Europeus que descenderam de Jafé, filho de Noé. Ver Jafé.

Jáfia (1) Rei amorreu de Laquis, foi um dos adversários derrotados pelos hebreus.

Jáfia (2) Filho de Davi, neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz, tetraneto de Salmon e descendente de Judá. Jáfia foi um dos filhos que Davi teve em Jerusalém.

Jáfia (3) Localidade que integrava a área destinada à tribo de Zabulon quando ocorreu  a partilha das terras conquistadas pelos hebreus

Jaflet Filho de Heber, neto de Beria, bisneto de Aser, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.

JAFO O nome em hebraico de Jafa. Ver Jafa.

Jagur Localidade pertencente ao território da tribo de Judá. Situava-se no extremo sul, rumo à fronteira de Edom, no Negueb.

Jaiel (1) Descendente de Levi e um dos  “Porteiros” do Templo em Jerusalém. Era um dos inspetores dos dízimos pagos durante o reinado de Ezequias no "Reino de Judá".

Jaiel (2) Filho de Josafá, neto de Asa, bisneto de Abias, trineto de Roboão e tetraneto de Salomão.

Jaiel (3) Filho de um hactomita, era um dos preceptores dos filhos do rei Davi.

JAIR (1) É citado em  “Ester” como descendente de Semei, de Cis e de Benjamim. Jair era o pai de Mardoqueu. Ver Mardoqueu.

Jair DE GALAAD (2) O sucessor de Tola (um dos “Juizes Menores”) que liderou Israel durante vinte e dois anos. Era filho de Segub, descendente de Judá e foi o conquistador de várias aldeias no território de Galaad às quais deu o nome de “Aldeias de Jair”.

JAIRO Um dos chefes da Sinagoga e o pai que pediu a Jesus, o Messias que ressuscitasse a sua filha.

Jakim Levita que descendia de Caat e que exercia as funções de Sacerdote no Templo de Jerusalém quando da assunção do rei Davi ao trono de Israel.

Jakin É citado em "Crônicas" como filho de Sama (Semei), neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.

Jalam Filho de Esaú e de Oolibama, neto de Isaac, bisneto de Abrão, trineto de Taré e tetraneto de Nacor.

Jalel Filho de  Zabulon, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.

Jalon Filho de Ezra e membro da tribo de Judá. Não há maiores indicações de sua ascendência.

Jamai Filho de Tola, neto de Issacar, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.

JÂMBLICO Ver Imalcue.

JAMBRES Um dos magos egípcios  que a pedido do Faraó confrontaram Moisés operando sortilégios e ilusionismos. Seu nome não é citado na Bíblia, mas encontra-se na tradição hebraica e nos escritos pagãos.

JAMIM (1) Descendente de Levi foi o ancestral de uma das famílias hebréias que retornaram do exílio babilônico.

Jamin (2) Filho de Ram, neto de Jerameel, bisneto de Hesron, trineto de Farés, tetraneto de Judá.

Jamin (3) Filho de Simeão, neto de Jacó e Lia, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.

Jamlec Descendente de Simeão e um dos líderes de sua tribo.

JAMNIA A forma grega de grafar o nome da localidade filistéia que também é chamada  de Jabnia, de Jabne (Jebna) ou de Jabneel (em grego). Localizava-se a 6 km da costa do Mediterrâneo e a uns 50 km, em linha reta, de Jerusalém.

Jamra Filho de Sofa, neto de Hotam, bisneto de Heber, trineto de Beria e tetraneto de Aser.

Jamuel Filho de Simeão, neto de Jacó e Lia, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.

Jamurk Rio que atualmente é chamado de Menadire. É um dos afluentes do rio Jordão  e sua nascente situa-se no planalto arábico.

Janai Citado em "Crônicas" como descendente de Gad e chefe de um dos clãs dessa tribo.

JANES Um dos magos egípcios  que a pedido do Faraó confrontaram Moisés operando sortilégios e ilusionismos. Seu nome não é citado na Bíblia, mas encontra-se na tradição hebraica e nos escritos pagãos.

Janoa (1) Localidade que provavelmente seja a atual Janub, situada a 11 km a leste da antiga Tiro.

JANOÁ (2) Localidade situada a 20 km ao sul de Siquém. Atualmente é chamada de Janun.

Janoe Região de fronteira da área que coube à tribo de Efraim quando ocorreu  a partilha das terras conquistadas pelos hebreus

Janum Localidade pertencente ao território da tribo de Judá. Situava-se na região de montanhas.

Jaquiel (1) Descendente de Elisafã, foi um dos levitas que sob as ordens do rei Ezequias, do "Reino de Judá", purificaram o Templo de Jerusalém.

Jaquiel (2) Descendente de Heman foi um dos levitas que purificaram o Templo de Jerusalém na época do rei Ezequias.

Jaquin (1) O nome dado à coluna postada à direita no Templo em Jerusalém.

Jaquin (2) Filho de Simeão, neto de Jacó e Lia, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.

Jaquin (3) Levita que descendia de Caat e que exercia as funções de Sacerdote no Templo de Jerusalém quando da assunção do rei Davi ao trono de Israel.

Jaquin e Boal Termo composto que tomado em conjunto significa: “Ele (Deus) dá estabilidade e força”.

Jaraá (Jeraá) Escravo egípcio a quem Sesã, patriarca de um dos clãs da tribo de Judá,  deu sua filha como esposa.

Jarafel (JERAFEL) Localidade que integrava a área destinada à tribo de Benjamim quando ocorreu  a partilha das terras conquistadas pelos hebreus

Jarcon O mesmo que Mejarcon. Ver Mejarcon.

Jaré Filho de Jectã, neto de Héber, bisneto de Salé, trineto de Arfaxad e tetraneto de Noé.

Jared (1) Filho de Jeter e descendente de Judá. Jared foi o fundador da localidade chamada Gedor.

Jared (2) Filho de Malaleel, neto de Cainan, bisneto de Enós, trineto de Set e tetraneto de Adão e Eva.

JARIB Sacerdote que descendia de Jesus – filho de Josédec – foi um  dos sábios chefes das famílias que compunham a comitiva de Esdras no retorno do exílio babilônico. Junto com outros, foi ele que recrutou em Casifia os levitas que acompanharam essa comitiva.

Jaribe Filho de Simeão, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.

JARMUC Rio que delimitava os territórios de Basã e de Galaad, na Transjordânia.

JARMUT Importante Cidade-Estado que foi governada pelo amorreu Faram e, depois,  destinada à tribo de Judá. Provavelmente seja a atual Hirber-Jarmuk, situada a oeste de Belém.

Jaroá Filho de Galaad, neto de Micael, bisneto de Jasisi, trineto de Jado, tetraneto de Buz e descendente de Gad, filho de Jacó.

Jasa Localidade onde os hebreus derrotaram Seon, o rei dos amorreus. Localizada em Moab, na Transjordânia.

JASÃO DE CIRENE O autor de cinco livros que relatam os fatos relativos ao exílio babilônico, ao regresso dos judeus, às guerras de Judas Macabeu e outros. O livro "Macabeus 2" é um resumo dessa obra. Ver Cirene.

JASÃO (1) É a forma grega para o nome “Jesus” (ou Josué) que é tipicamente hebreu. Filho de Eleazar e membro da classe Sacerdotal, Jasão foi o sucessor ilegítimo de Onias (seu irmão), no Sumo Sacerdócio, em Jerusalém. Assumiu esse posto por imposição do rei assírio, Antíoco IV, Epífanes e, destarte,  sempre foi considerado um intruso. Jasão foi um dos embaixadores mandados por Judas Macabeu a Roma para travar alianças como os romanos, mas como sempre manobrou em busca de seus interesses mesquinhos acabou sendo alijado da corte hebréia. Por fim,  atentou  contra o rei assírio, mas tendo fracassado refugiou-se em terras estrangeiras onde morreu.

JASÃO (2) O hospedeiro do Apóstolo Paulo e de Silas na cidade de Tessalônica. Jasão era um nome comum entre os judeus da Diáspora por assemelhar-se no som e no sentido (medicar, curar) com o hebraico Jesus. Provavelmente trata-se do mesmo Jasão que o Apóstolo Paulo cita em suas Epístolas aos cristãos de Corinto.

Jasen (1) Natural de Gimzo era um dos componentes do grupo "Dos Trinta", a guarda pessoal do rei Davi.

Jasen (2) Natural de Guni era um dos chamados "Heróis de Davi", grupo de guerreiros fiéis ao rei Davi.

Jaser Filho de Caleb e de Azuba, neto de Hesron, bisneto de Farés, trineto de Judá e tetraneto de Jacó.

JASIAS Descendente (ou natural) de Ticua, foi um dos líderes dos hebreus que retornaram do exílio babilônico 

Jasiel(1) Filho de Abner, era o chefe da tribo de Benjamim durante o reinado do rei Davi.

Jasiel(2) Filho de Neftali, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré. Em  “Tobias”, Jasiel é grafado como Asiel e figura como o ancestral da linhagem de Tobias.

Jasisi É citado em "Crônicas" como filho de Jada, neto de Buz e descendente de Gad, o filho de Jacó.

JASUB (1) Descendente de Bani, foi um dos líderes dos hebreus que retornaram do exílio babilônico.

Jasub (2) Filho de Issacar, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.

Jateba Provavelmente seja sinônimo de Jetebata, localidade situada nas proximidades de Elat. Ver Elat.

JATIR Localidade situada a 19 km ao sul de Hebron. Atualmente é chamada de Attir.

Jatniel Filho de Meselemia e descendente de Coré e de Levi. Era um dos “Porteiros” do Templo em Jerusalém.

Jaus Filho de Semei e descendentes de Gerson e de Levi. Cabe notar que em hebraico não existem os termos "netos," bisnetos" etc., portanto, os vocábulos  "filho"(s)", "irmão(s)", entre outros, podem significar "descendentes", "conterrâneos" etc.

JAVAN Filho de Jafé, neto de Noé, bisneto de Lamec, trineto de Matusalém e tetraneto de Henoc. Javan foi o ancestral dos Jônios (uma das etnias que formaram o povo grego)

JavÉ Nome próprio que Deus tomou em suas relações especiais com o povo hebreu. É a 3a pessoa do singular do verbo  “Ser” ( = É)  e significa: “Aquele que É”,  em essência. O termo Jeová é uma pronúncia equivocada que foi muito usada nos séculos XVI a XIX de nossa Era.

JAZANIAS Filho de Sara, seria o sacerdote degenerado que o Profeta Ezequiel enxergou na visão que teve da Jerusalém entregue aos cultos pagãos.

JAZER Localidade situada ao sul de Masfa Galaad, no país de Amon, na Transjordânia.

Jazera Filho de Mesulam, neto de Mesilemit, bisneto de Emer e membro da linhagem dos sacerdotes.

Jaziel Filho de Azmot e membro da tribo de Benjamim, foi um dos que seguiram Davi enquanto ele era perseguido pelo rei Saul.

Jaziz Chamado de “O Agareno” (por descender de Agar), era o supervisor dos rebanhos de ovinos e de caprinos durante o reinado de Davi.

Jeabarim Localidade situada no deserto limítrofe ao território de Moab, na Transjordânia.

Jealelel Citado em "Crônicas" como descendente de Judá, porém não existe uma especificação precisa de sua ascendência.

Jearim (Queslon)          O mesmo que Queslon. Ver Queslon.

Jebar Filho de Davi, neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz, tetraneto de Salmon e descendente de Judá. Foi um dos filhos que Davi teve em Jerusalém.

Jeblaam Localidade situada ao norte do monte Ebal, a sudeste de Betsã e a 2 km ao sul de En-Ganim. Atualmente é conhecida como Bel’Ame.

JEBNA O mesmo que Jamnia. Ver Jamnia.

Jebnael Localidade da área destinada à tribo de Neftali, situada nas proximidades da  costa do Mediterrâneo.

Jebneel Localidade que se situava a noroeste de Acaron, nas proximidades do litoral do Mediterrâneo.

Jebneia É citado em "Crônicas" como filho de Jerom e descendente de Benjamim.

Jebnia É citado em "Crônicas" como descendente de Benjamim.

Jebsan Filho de Tola, neto de Issacar, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.

Jebus O outro nome da cidade de Jerusalém, derivado do nome étnico de seus primeiros habitantes.

Jebuseus Povo descendente de Canaã que habitava a região situada entre o Egito e a Mesopotâmia. Também era o nome da população cananéia que habitava Jerusalém.

Jecamias Ver Icamias.

Jecemias Filho de Jeconias, neto de Joaquim, bisneto de Josias, trineto de Amon, tetraneto de Manassés e descendente do rei Salomão.

Jecetel Localidade pertencente ao território da tribo de Judá. Situava-se na região de planícies e anteriormente era chamada de “Rocha”.

Jecmaan Filho de Hebron, neto de Caat, bisneto de Levi, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.

Jecnaam (do Carmelo) Localidade que foi destinada à tribo de Aser, situada no sopé do Monte Carmelo.

Jeconias (JOIAKIN) Filho e sucessor do rei Joaquim (Eliacim), neto do rei Josias, bisneto de Amon, trineto de Manassés e tetraneto de Ezequias. Tinha dezoito anos quando foi coroado e reinou por apenas três meses, em Jerusalém. Em seu reinado, Nabucodonosor conquistou Jerusalém e ele e sua família foram exilados na Babilônia. Em seu lugar, Nabucodonosor nomeou Matanias (em quem colocou o nome de Sedecias), seu tio. Tempos depois (por volta de 561 a.C.), Jeconias foi anistiado e amparado por Evil-Merodac. Sua mãe chamava-se Noesta, era filha de Elnata e natural de Jerusalém.

Jecsã Filho de Abrão e de Cetura, sua segunda esposa, neto de Taré, bisneto de Nacor, trineto de Serug e tetraneto de Reú.

Jectã Filho de Héber, neto de Salé, bisneto de Arfaxad, trineto de Noé e tetraneto de Lamec.

Jectael (JEFTÁ-eL) Localidade que integrava a área destinada à tribo de Zabulon.

JEDAÍAS (JEDAÍA) Filho de Joiarib, neto de Saraías (ou Azarias), bisneto de Helkias, trineto de Mesulam, tetraneto de Sadoc e membro da classe dos Sacerdotes. Jedaías era o  “prefeito” do Templo reconstruído em Jerusalém após o exílio babilônico.

Jedaías Membro da tribo de Simeão e o bisavô de Ziza que foi chefe de seu clã.

jedala O mesmo que Jerala. Ver Jerala.

Jedbas Em "Crônicas" é citado como filho do pai de Etam, ou seja, Zara, da linhagem de Judá. Porém,  os termos "filho, pai etc." na Bíblia podem ter o sentido mais amplo que o da simples relação de parentesco.

Jedei Levita que descendia de Caat e que exercia as funções de Sacerdote no Templo de Jerusalém quando da assunção do rei Davi ao trono de Israel.

Jedidia Nome hebraico que significa: “amado por Jah ou Javé”.

Jediel Filho de Samri, era um dos chefes de metade da tribo de Manassés, instalada na Transjordânia. Foi um dos que seguiram Davi, enquanto ele era perseguido pelo rei Saul, e era um dos “Heróis de Davi”.

Jedlão Filho de Nacor e de Melca, neto de Taré, bisneto de Nacor, trineto de Serug e tetraneto de Reú. Jedlão era sobrinho de Abrão.

Jeedia Filho de Subael, neto de Gerson, bisneto de Moisés, trineto de Amram, tetraneto de Caat e descendente de Levi.

Jeeziel Natural de Gederot e membro da tribo de Benjamim, foi um dos que seguiram Davi enquanto ele era perseguido pelo rei Saul.

Jefdaia Filho de Sasac, neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.

Jefoné (1) Descendente de Judá e pai de Caleb que foi um dos auxiliares mais fiéis de Moisés.

Jefoné (2) Filho de Jeter, neto de Sofa, bisneto de Hotam, trineto de Heber, tetraneto de Beria e descendente de Aser.

Jefta Localidade pertencente ao território da tribo de Judá. Situava-se na região de planícies.

Jeftael (JEFTÁ-eL) O mesmo que Jectael. Ver Jectael.

Jefté Filho de Galaad e de uma prostituta, fugiu de seus irmãos por envergonhar-se de sua origem, para a terra de Tob e uniu-se a um grupo de vagabundos. Posteriormente foi convocado por Javé para liderar os hebreus contra os amonitas.

Jegaal Filho de Sequenias, neto de Hananias, bisneto de Zorobabel, trineto de Fadaías, tetraneto de Jeconias e descendente do rei Josias.

Jegar Saaduta Nome dado por Labão (o pai de Raquel e de Lia) ao monte onde foi firmada sua aliança com Jacó. Em aramaico significa: “Monte do Testemunho”.

Jegbaá Localidade que coube aos descendentes de Gad. Situada a 15 km a leste de Es-Salt, atualmente é conhecida como Agbeihat, que significa “ruínas”.

Jegbaar Filho de Davi, neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz, tetraneto de Salmon e descendente de Judá. Jegbaar foi um dos filhos que Davi teve em Jerusalém.

Jegel É citado em "Crônicas" como descendente de Levi e um dos  “Porteiros” do Templo em Jerusalém.

Jeiel (1) É citado em "Crônicas" como descendente de Rúben e chefe de um dos clãs dessa tribo.

Jeiel (2) O fundador da localidade chamada Gabaon e ancestral de um dos clãs da tribo de Benjamim. De sua linhagem é que nasceu o rei Saul.

Jeiel (3) Filho de Laadan, neto de Gerson, bisneto de Levi, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.

Jeiel (4) Filho de Hotam e natural de Aroer, era um dos chamados "Heróis de Davi", grupo de proeminentes guerreiros fiéis ao rei Davi.

Jeiel (5) O escriba, ou secretário,  durante o reinado de Ozias, filho de Amasias, no "Reino de Judá".

JEIEL (6) Descendente de Adonicam era o chefe de uma das famílias hebréias que seguiram Esdras no retorno do exílio na Babilônia.

JEIEL (7) Descendente de Elam, foi um dos líderes dos hebreus que retornaram do exílio babilônico.

JEIEL (8) Descendente de Nebo, foi um dos líderes dos judeus retornados da Babilônia.

JEIEL (9) Sacerdote que descendia de Harim, foi um dos que retornaram do exílio babilônico junto com Esdras.

Jemini Localidade mencionada em “Samuel” cuja localização exata é desconhecida. Alguns acreditam que poderia significar “Terra de Benjamim”, mas há controvérsias a respeito.

Jemlec Membro da tribo de Simeão e chefe de seu clã. Como seus pares era pastor nômade e vagava pelo deserto que circunda Gerara.

Jemna (1) Filho de Aser, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.

Jemna (2) Filho de Hotam, neto de Heber, bisneto de Beria, trineto de Aser e tetraneto de Jacó.

Jeová Ver Javé.

Jequelias Natural de Jerusalém, foi a mãe do rei Ozias, do "Reino de Judá".

JER  Ver Hus. A terra de Hus.

Jerala (JEDALA) Localidade que integrava a área destinada à tribo de Zabulon quando ocorreu  a partilha das terras conquistadas pelos hebreus

Jerameel (1) Filho de Kis, neto de Mali, bisneto de Merari, trineto de Levi e tetraneto de Jacó.

Jerameel (2) Filho de Hesron, neto de Farés, bisneto de Judá, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.

JERAMEEL (3) Filho do rei Eliacim, foi um dos que foram mandados pelo rei para prender o Profeta Jeremias e Baruc, seu secretário. Porém, Javé protegeu a ambos e a ordem não pôde ser cumprida.

Jercaam Em "Crônicas" é citado como “filho” de Raam, neto de Sama, bisneto de Hebron e membro da tribo de Judá. Vale o registro que os termos "filho, pai etc." na Bíblia podem ter o sentido mais amplo que o da simples relação de parentesco.

     JEREMAI Descendente de Hasum foi um dos líderes dos hebreus que retornaram do exílio babilônico.

JEREMIAS – PROFETA  Filho de Helkias nasceu por volta do ano 646 a.C. em Anatot (no território de Benjamin), nas proximidades de Jerusalém, no seio de uma família sacerdotal. Foi contemporâneo do rei Josias e de seus descendentes, no "Reino de Judá". Em 626 a.C. foi chamado ao ministério do profetismo e ao iniciar suas pregações perduravam ainda os péssimos efeitos do nefando reinado de Manassés, época em que a idolatria pagã mais floresceu. Foi contra tais aberrações e contra o excessivo e superficial formalismo religioso que Jeremias focava as suas criticas. Muitos males trouxe-lhe essa destemida pregação porque os poderosos, alvejados por ele, não lhe pouparam violências, perseguições, vilipêndios e prisões. Por fim, segundo a tradição, foi apedrejado até a morte nas proximidades de Táfnis – no Egito, onde foi sepultado.

Jeremias (1) Pai de Hamital e avô materno de Joacaz, o sucessor do rei Josias.

Jeremias (2) Um dos chefes de metade da tribo de Manassés instalada na Transjordânia.

Jeremias (3) Membro da tribo de Gad, foi um dos que seguiram Davi enquanto ele era perseguido pelo rei Saul.

Jeremias (4) Natural de Gederot e membro da tribo de Benjamim, foi um dos seguidores de Davi.

JEREMIAS (5) Um dos líderes da classe dos Sacerdotes que voltaram do exílio babilônico sob a liderança de Zorobabel.

JEREMIAS (6) Membro da tribo dos Recabitas e pai de Jesanias, o chefe dessa tribo na época do Profeta Jeremias.

JEREMOT (1) Descendente de Elam foi um dos líderes dos hebreus que retornaram do exílio babilônico.

JEREMOT (2) Descendente de Zatu foi um dos líderes dos hebreus que retornaram para Jerusalém após o cativeiro na Babilônia.

Jeri O mesmo que Jeriau. Ver Jeriau.

Jerias (1) O administrador dos negócios israelitas na região do além Jordão. A sua autoridade estendia-se sobre os rubenitas, os gaditas e sobre a metade oriental da tribo de Manassés.

JERIAS (2) Filho de Selemias era um dos guardas do território da tribo de Benjamim. Foi ele quem realizou uma das prisões sofridas pelo Profeta Jeremias, acusado, então , de trair o povo judeu.

Jeriau É citado em "Crônicas" como filho de Hebron, neto de Caat e descendente de Levi.

Jeribai Filho de Elnaam, era um dos chamados "Heróis de Davi", grupo de proeminentes guerreiros fiéis ao rei Davi.

Jericó Cidade-Estado localizada ao norte do Mar de Arabá e a oeste de Setim. Jericó tinha especial importância por estar numa encruzilhada da estrada que ligava as regiões situadas nos dois lados da “depressão jordânica”. Foi destruída e reconstruída várias vezes e suas ruínas foram exploradas em 1907-1909: 1926-1936; 1952-1957 e jazem em Tel-Es-Sultan, localizada a uns 8 km a oeste do rio Jordão. A medieval e moderna Eriha (ou Er-Riha), que lhe herdou o nome, está situada a 2,5 km a sudeste da antiga. Jericó integrava o território da tribo de Benjamim e também era conhecida como a “Cidade das Palmeiras”.

Jeriel Filho de Tola, neto de Issacar, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.

Jerimot (1) Filho de Musi, neto de Merari, bisneto de Levi, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac. Era um dos inspetores dos dízimos pagos durante o reinado de Ezequias no "Reino de Judá".

Jerimot (2) Filho de Azriel era o chefe da tribo de Neftali durante o reinado do rei Davi.

Jerimot (3) Filho de Becor, neto de Benjamim, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.

Jerimot (4) Filho de Bela, neto de Benjamim, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.

Jerimot (5) Filho de Heman e descendente de Levi era um dos “Cantores” do Templo em Jerusalém.

Jerimot (6) Filho de Elfaal, neto de Saaraim e de Husim e um dos chefes de clãs da tribo de Benjamim.

Jerimut Natural de Haruf e membro da tribo de Benjamim foi um dos seguidores de Davi na época em que ele era perseguido pelo rei Saul.

Jeriot Filho de Caleb e de Azuba, neto de Hesron, bisneto de Farés, trineto de Judá e tetraneto de Jacó.

Jeroam (1) O mesmo que Jerimot, ver Jerimot, filho de Elfaal.

Jeroam (2) Filho de Eliab (Eliú), neto de Naat (Toú), bisneto de Sofai (Suf), trineto de Elcana, tetraneto de Aimot e descendente de Caat e de Levi. Jeroam foi o avô do Profeta e Juiz Samuel.

Jeroam (3) Filho de Fassur, neto de Melquias, bisneto de Maasai, trineto de Adiel, tetraneto de Jazera e membro da linhagem dos sacerdotes.

JEROAM (4) Filho de Felaías, neto de Amsi, bisneto de Zacarias, trineto de Fasur, tetraneto de Malquis e membro da classe dos Sacerdotes.

Jeroboão (1) Filho e sucessor de Joás no trono do "Reino de Israel". Reinou por quarenta e um anos e cometeu vários pecados contra Javé. Foi ele quem reconquistou o território de Israel, desde  Emat (no norte)  até o Mar de Arabá (no sul). Foi sucedido por Zacarias, seu filho.

Jeroboão (2) Natural de Sareda, era filho da viúva chamada Sarva. Jeroboão soube através do profeta Aías que era o escolhido por Javé para ser o soberano de dez das doze tribos de Israel, após a morte do rei Salomão. Este, sabendo dessa profecia tentou matar Jeroboão que para escapar refugiou-se no Egito, sob a proteção do Faraó Sesac. Após a morte de Salomão, voltou para Israel e foi aclamado reis das tribos rebeladas e governou a parte que foi chamada de "Reino de Israel". Porém, ambicionando a consolidação do seu poder cometeu a idolatria pagã o que atraiu sobre si a fúria de Javé e disso resultou a sua ruína e a do país. Jeroboão reinou por vinte e dois anos.

JEROM (JERON) Localidade situada a uns 16 km a oeste do lago Hule. Atualmente é chamada de Jarun.

JERÔNIMO Um dos inimigos dos israelitas que são citados em  "Macabeus 2".

Jerubaal O apelido que os hebreus colocaram em Gedeão por ele ter derrubado o altar de Baal. Jerubaal, em hebraico,  significa: “Defenda Baal”.

Jeruel O deserto de Jeruel é uma das subdivisões do grande “Deserto de Judá”, situado a sudeste de Jerusalém.

Jerusa Filha de Sadoc e mãe de Joatão, soberano do "Reino de Judá".

Jerusalém Localidade situada no contraforte do monte que se ergue a oeste, por cima do vale do Cedron na fronteira das terras de Judá e de Benjamim. Jerusalém era a mais importante e fortificada Cidade-Estado e foi objeto de vários ataques das duas tribos, nem sempre bem sucedidos, contra os seus antigos habitantes chamados de “Jebuseus”. Posteriormente foi conquistada pelo rei Davi e tornou-se o centro do reino judeu, sendo a escolhida por Deus para abrigar o seu Templo. Jerusalém é cingida por uma coroa de montes e, por isso, é representada como estando “sentada” numa concha ( “emek” em hebraico). Também é chamada de Uruel, de Jebus e de Hierosólima

JESANA Localidade situada a sudeste de Tamnat-Saré e a nordeste de Betel, na região central da Palestina.

JESANIAS Filho de Jeremias e neto de Habassinias era o líder da tribo dos Recabitas na época do Profeta Jeremias.

Jesba Filho de Jeter, neto de Ezra e descendente de Judá.

Jesbaam Descendente de Coré e de Levi e agregado à tribo de Benjamim, foi um dos que seguiram Davi enquanto ele era perseguido pelo rei Saul.

Jesboc Filho de Abraão e de Cetura, sua segunda esposa, neto de Taré, bisneto de Nacor, trineto de Serug e tetraneto de Reú.

Jesca Filha de Ló, neta de Aram, bisneta de Taré, trineta de Nacor e tetraneta de Serug. Jesca, aproveitando-se da embriagues do pai, gerou com ele Ben-Ami que foi o ancestral dos amonitas.

Jeseías Filho de Jesi e membro da tribo de Simeão. Junto com seus irmãos, liderou um exército que avançou até a montanha do Seir conquistando um vasto território.

Jeser (1) Em "Crônicas" é mencionado na condição de filho de Bala e membro da tribo de Benjamim.

Jeser (2) Filho de Neftali, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.

Jesfa Filho de Beria, neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim  e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.

Jesfan Filho de Sasac, neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e descendente de Benjamim.

Jesi (1) Membro proeminente da tribo de Simeão. Jesi foi o pai de Faltias, Naarias, Rafaias e Uziel que lideraram várias incursões militares chegando até a Montanha do Seir e conquistando um vasto território.

Jesi (Isi) (2) Filho de Apaim (Efraim), neto de Nadab, bisneto de Samai, trineto de Onam,  tetraneto de Jerameel e descendente de Judá.

Jesia (JESIAS) Filho de Oziel, neto de Caat, bisneto de Levi, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.

Jesias (Isaias?) Filho de Raabia, neto de Eliezer, bisneto de Moisés, trineto de Amram,  tetraneto de Caat e descendente de Levi.

Jesiau Descendente de Coré e de Levi e agregado à tribo de Benjamim, foi um dos que seguiram Davi enquanto ele era perseguido pelo rei Saul.

Jesma Filho do pai de Etam, ou seja, Zara. Porém,  os termos "filho, pai etc." na Bíblia podem ter o sentido mais amplo que o da simples relação de parentesco. Todavia, é certo que descendia de Judá

Jesmaías Filho de Abdias era o chefe da tribo de Zabulon durante o reinado de Davi.

Jesmaquias Descendente de Levi, era um dos inspetores dos dízimos pagos durante o reinado de Ezequias no "Reino de Judá".

Jesmari É citado em "Crônicas" como filho de Elfaal e neto de Elfaal (seu homônimo),  bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.

Jessé (ISAÍ) Filho de Obed, neto de Booz, bisneto de Salmon, trineto de Naasson,  tetraneto de Aminadab e descendente de Judá. Jessé foi o pai do rei Davi e por ser de Belém era chamado de “Belemita”.

Jessia Filho de Izraia, neto de Ozi, bisneto de Tola, trineto de Issacar e tetraneto de Jacó.

Jessui (1) Filho de Aser, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.

Jessui (2) Filho do rei Saul, neto de Cis, bisneto de Abiel, trineto de Seror, tetraneto de Becorat e descendente de Benjamim.

Jesua (1) Filho de Aser, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.

Jesua (2) Levita que descendia de Caat e que exercia as funções de Sacerdote no Templo de Jerusalém quando da assunção do rei Davi ao trono de Israel.

Jesué (1) Descendente de Levi, era o encarregado de distribuir os dízimos aos outros levitas e sacerdotes em sua comunidade.

JESUÉ (2) Localidade citada em  “Neemias” como o domicilio dos descendente de Judá que retornaram do exílio babilônico. A sua localização exata é desconhecida.

JESURUN Sinônimo poético de Jerusalém.

      JESUS (1) Filho de Josedéc (o Sumo Sacerdote), neto de Saraías, bisneto de Azarias, trineto de Helkias, tetraneto de Salum e descendente de Levi. Jesus pertencia à classe dos Sacerdotes e foi o patriarca e o condutor de uma das famílias hebréias que retornaram do exílio na Babilônia  junto com Zorobabel. A ele, e aos seus, coube a reconstrução do Templo em Jerusalém.

JESUS (2) Filho de Joaquim, neto de Eliasib, bisneto de Jojada, trineto de Jonatan, tetraneto de Jadua e descendente de Levi. Jesus era o  chefe dos levitas que serviam como “Porteiros” no Templo, na época de Neemias governador e de Esdras Sacerdote.

JESUS (3) Embora chamado de “Filho de Sirac”,  na verdade era filho de Eleazar e neto de Sira (ou Sirac). Jesus foi o autor do livro chamado “Eclesiástico” e viveu entre os séculos III e II a.C. e deve ter escrito o seu livro entre 200 e 180 a.C. Seu neto, que traduziu o livro para o grego, informa que Jesus era Jerosolimitano, i é, natural de Jerusalém.

Jesus, o Messias Jesus é um nome hebraico que significa: “O Senhor é a Salvação”. Judeu da Galiléia, nascido em Belém na Judéia meridional, nos últimos anos do reinado de Herodes, o Grande. Época em que Roma dominava a Palestina e Augusto (Otávio Augusto 27 aC. a 14 dC.) era o imperador. O aparente paradoxo sobre o ano de seu nascimento ocorreu devido a um erro do monge Dionísio, o Pequeno que fora encarregado pelo Papa, no século V dC., de organizar um calendário e o dia 25 de Dezembro foi fixado como o dia de seu nascimento para cristianizar uma festa pagã que era celebrada nesse dia. O principal testemunho da existência de Jesus, o Messias são os quatro Evangelhos, a base da fé cristã, onde são relatadas suas palavras, obras e as reações do povo. Esses relatos coincidem entre si e com os dos historiadores da época, como o judeu Flavio Joséfo e Tácito, o maior historiador de Roma. Jesus, segundo o Evangelho de São Mateus, era filho de José e de Maria e pelo lado paterno era neto de Jacó, bisneto de Matã, trineto de Eleazar, tetraneto de Eliud e membro da linhagem de Zorobabel, do rei Davi e de Judá. Nasceu quando seus pais estavam em Belém por causa de um recenseamento, mas  como a noticia de que teria nascido aquele que seria o “rei” dos judeus espalhou-se rapidamente, Herodes decretou o infanticídio de todos os meninos nascidos na ocasião, porém, José, seu pai, foi avisado por um Anjo do perverso decreto e conseguiu salvar a família fugindo para o Egito donde retornaram após seis meses com a morte de Herodes. José e sua família voltaram para a Nazaré natal e Jesus passou a maior parte da infância ajudando ao pai nos trabalhos de carpintaria. Sua primeira aparição pública ocorreu quando ele tinha doze anos, ocasião em que sua família visitava Jerusalém e ele aproveitou para discutir a “Lei” com os Doutores do Templo. Após esse fato, o jovem Messias mergulhou nos estudos das Sagradas Escrituras e quase nada se conhece de seus feitos até atingir os trinta anos de idade quando, então, encontrou-se com seu primo João Batista, o Precursor que já era um famoso pregador na região do rio Jordão. Jesus fez questão de também ser batizado pelo primo e dali iniciou as suas pregações. Seguiram-se então os vários acontecimentos marcantes como o retiro e jejum de quarenta dias e noites no deserto, o milagre nas Bodas de Caná e tantos outros. Iniciando as suas pregações e realizando os primeiros milagres, Jesus foi de Samaria à Galiléia e, rejeitado em Nazaré, chegou a Cafarnaum, às margens do lago de Tiberíades ou “Mar da Galiléia” onde aconteceu o episódio da pesca milagrosa e a convocação dos primeiros seguidores. Aos trinta e um anos, completou o grupo dos doze apóstolos, todos galileus, realizou o célebre “Sermão da Montanha” e pregou suas notáveis parábolas. Quando estava com trinta e dois anos aconteceu à morte de João Batista, o Precursor e dois grandes milagres: a multiplicação dos pães e dos peixes e a ressurreição de Lazaro. Também nessa ocasião, Jesus estabeleceu o primado de Pedro, realizou-se a Transfiguração e a entrada triunfal em Jerusalém, quando foi tratado pelos judeus como um líder que os libertaria do jugo de Roma (que já se alongava desde 63 aC.). Porém, as suas pregações descontentaram a muitos hebreus que o supunham um líder guerreiro e não um mensageiro da paz e aos trinta e três anos Jesus começou a ser acusado de blasfemo e de conspirar contra Roma que então era governada pelo imperador Tibério. As injúrias avolumaram-se até que Jesus foi traído por Judas Iscariotes, um de seus discípulos, e preso no jardim chamado de Getsâmani. Dali foi levado ao Sumo Sacerdote Anás e ao “príncipe” dos sacerdotes Caifás, com quem estavam os escribas e os anciãos. Teve inicio o processo religioso e, mais tarde, Jesus foi conduzido até Pôncio Pilatos (governador romano da Judéia) que sem entender a revolta da população, enviou-o a Herodes Antipas que, por sua vez e por interesses políticos, devolveu-o a Pilatos que continuou  não lhe vendo culpa alguma e quis libertá-lo, mas pressionado pelos líderes Fariseus e pela turba incitada pelos mesmos, liberou Barrabás (um agitador revolucionário e homicida) como era hábito em certas ocasiões, e decretou a crucificação do Messias, a qual ocorreu, após cruéis torturas e sórdidas zombarias e humilhações, no dia 07 de abril, numa Sexta Feira. 

Jeta Localidade cedida pelas tribos de Judá e de Simeão para os levitas que descendiam de Caat, os Caatitas. Sua posição geográfica é incerta.

Jeteba Ver Jateba

Jeter (1) Filho de Ezra e membro da tribo de Judá. O texto, em "Crônicas", não fornece mais referências sobre a sua ascendência.

Jeter (2) Filho de Jada, neto de Onam, bisneto de Jerameel, trineto de Hesron,  tetraneto de Farés e descendente de Judá.

Jeter (3) Localidade pertencente ao território da tribo de Judá, na fronteira com o território de Simeão. Situava-se na região de montanhas e foi cedida para os levitas que descendiam de Caat, os caatitas. Em "Crônicas", Sobal, filho de Hur e neto de Caleb, é citado como o seu fundador.

Jeter (4) O filho mais velho de Gedeão (um dos “Juizes Maiores”).

Jeter (5) Filho de Sofa, neto de Hotam, bisneto de Heber, trineto de Beria e tetraneto de Aser.

JETER (6) Outro nome de Jetro, o sogro de Moisés.

Jetet Provavelmente descendente de Esaú que comandava uma região no território de Edom.

Jetma Natural de Moab, era um dos chamados "Heróis de Davi". Estes, compunham um grupo de proeminentes guerreiros fiéis ao rei Davi.

Jetnã Localidade pertencente ao território da tribo de Judá. Situava-se no extremo sul, rumo à fronteira de Edom, no Negueb

Jetrã Filho de Dison e neto de Seir, o Horreu.

Jetra Ismaelita (descendente de Ismael), casado com Abigail – irmã do rei Davi – e pai de Amasa, que foi o chefe do exército de Absalão.

Jetrai Filho de Zera, neto de Ado, bisneto de Joá , trineto de Zama, tetraneto de Jaat  e descendente de Gerson e de Levi.

Jetram (Jetraam) Filho do rei Davi e de Egla. Era neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz, tetraneto de Salmon e descendente de Judá.

Jetro Sacerdote de Madiã e sogro de Moisés. Também é chamado de Raguel e de Jeter.

Jetur Filho de Ismael, neto de Abrão e de Agar (serva de Sara), bisneto de Taré, trineto de Nacor e tetraneto de Serug.

Jeú (1) Filho de Esaú e de Oolibama, neto de Isaac, bisneto de Abrão e de Sara, trineto de Taré e tetraneto de Nacor.                                              

Jeú (2) Filho de Obed, neto de Eflal (Oflal), bisneto de Zabad, trineto de Natã (Natan), tetraneto de Atai e descendente de Judá.

Jeú (3) Filho de Hanani, foi o profeta utilizado por Javé para repreender Baasa, soberano do "Reino de Israel" e a Josafá, rei do "Reino de Judá".

Jeú (4) Filho de Josafá e neto de Namsi, foi ungido pelo Profeta Elias como o soberano do "Reino de Israel", sucedendo a Jorão (a quem executou, juntamente com Acazias do "Reino de Judá"), conforme a ordem de Javé. Jeú reinou em Samaria por vinte e oito anos.

Jeú (5) Filho de Josabias, é citado em "Crônicas" como descendente de Simeão e um dos líderes de sua tribo.

Jeú (6) Natural de Anatot e membro da tribo de Benjamim, foi um dos que seguiram Davi enquanto ele era perseguido pelo rei Saul.

JEUDI Filho de Natanias, neto de Selemias e bisneto de Cusi foi o enviado dos ministros do rei Eliacim para resgatar de Baruc o livro das profecias ditadas pelo Profeta Jeremias.

Jeuel Filho de Zara, neto de Judá, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.

Jeus (1) É citado em "Crônicas" como filho de Saaraim e de Hodes e na qualidade de chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.

Jeus (2) Filho de Esec, neto de Elasa, bisneto de Rafa, trineto de Banaa, tetraneto de Mosa e descendente do rei Saul.

Jeus (3) Filho de Balan, neto de Jadiael, bisneto de Benjamim, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.

Jeus (4) Filho de Roboão e de Maalat, neto do rei Salomão, bisneto do rei Davi, trineto de Jessé, tetraneto de Obed e descendente de Judá.

JEZABEL Citada no Apocalipse de São João era uma mulher pecadora que vivia em Tiatira.  É provável que o seu nome seja simbólico e tomado da ímpia esposa pagã do rei Acab.

JezEbel  filha de Etbaal, rei do Sidônios, foi a esposa de Acab, o ímpio soberano do "Reino de Israel", e a mãe de Jorão. Jezabel mandou matar os Profetas e ameaçou até o Profeta Elias. Por ter cometido esses crimes, entre outros, foi executada a mando de Jeú, o sucessor de Jorão no trono, e teve seu corpo dilacerado pelos animais.

Jezer Filho de Galaad, neto de Maquir, bisneto de Manassés, trineto de José e tetraneto de Jacó.

JEZIAS Descendente de Faros foi um dos líderes dos hebreus que retornaram do exílio babilônico.

Jezlia Filho de Elfaal, neto de Elfaal (homônimo do pai), bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.

Jezonias Era maacatita (descendente de Maaca) e um dos interlocutores do governador Godolias.

Jezrael (1) Localidade situada a sudeste do Monte Carmelo, numa colina que domina a passagem entre a planície de Esdrelon e o vale do Jalud.    Atualmente é chamada de Zer’in.

JEZRAEL (2) Um dos  “filhos” do Profeta Oséias e de Gomer. Ver Gomer, filha de Diblaim.

Jim Localidade pertencente ao território da tribo de Judá. Situava-se no extremo sul, rumo à fronteira de Edom, no Negueb

Protagonista do livro a que empresta o nome, era um abastado homem que vivia em Hus. Fiel a Javé, reto e caridoso, vivia em paz e em conforto. Porém, num certo dia, Deus permitiu que Satanás testasse a sua fé e, então, sobreveio-lhe a ruína financeira, a morte de seus filhos e a enfermidade. Ante essa sucessão de infortúnios, Jó debate com os amigos que foram consolar-lhe e questiona a justiça divina e chega a mostrar-se rebelde à Javé. Todavia, Deus aparece-lhe e expõe-lhe a mediocridade da condição humana e a arrogância do Homem ao querer entender e julgar os seus desígnios. Jó compreende e pede perdão ao Senhor que lhe restitui a saúde, a fortuna e outros filhos. A qualidade de ser paciente – a proverbial  “paciência de Jó” – decorre de seus pacientes, mas inúteis,  esforços para convencer os amigos que não havia cometido os pecados que eles lhe imputavam, os  quais, seriam o motivo de sua desgraça.

Joá (1) Filho de Beria, neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim  e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.

Joá (2) Filho de Zama (Zema), neto de Jaat, bisneto de Lebni, trineto de Gerson e tetraneto de Levi. Joá foi um dos levitas que sob as ordens do rei Ezequias, do "Reino de Judá", purificaram o Templo de Jerusalém.

Joá (3) Filho de Obed-Edom e descendente de Coré e de Levi. Era um dos “Porteiros” do Templo em Jerusalém.

Joá (4) Filho de Samri e natural de Tis (ou Tosa), era um dos chamados "Heróis de Davi". Estes, compunham um grupo de proeminentes guerreiros fiéis ao rei Davi.

JoÁ (5) Filho de Asaf, era o secretário durante o reinado de Ezequias, no "Reino de Judá".

Joab (1) Filho de Saraia, neto de Kenaz, bisneto de Ela, trineto de Caleb,  tetraneto de Jefoné e descendente de Judá. Em "Crônicas" Joab é citado como o ancestral da população do “Vale do Artesão”.

Joab (2) Filho de Sárvia, neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz, tetraneto de Salma (Salmon) e descendente de Judá.  Era irmão de Abisaí e de Asael e primo e fiel aliado do rei Davi. Joab, embora fiel a Davi e chefe de seu exército,  contrariou o rei quando matou Abner e Amasa como vingança pelo assassinato de seu irmão. Quando Salomão assumiu o trono mandou matá-lo como punição por esses assassinatos.

      JOAB (3) Ancestral de uma das famílias hebraicas que retornaram do exílio babilônico sob o comando de Zorobabel.

Joacaz (Selum) Também chamado de Selum, era filho e foi o sucessor do rei Josias no "Reino de Judá". Sua mãe chamava-se Hamital, era filha de Jeremias e natural de Lebna. Joacaz tinha vinte e três anos quando foi coroado e reinou por apenas três meses, pois foi aprisionado pelo Faraó Necao (que em seu lugar colocou Eliacim), em Rebla, no país de Emat, e, depois, morreu no Egito.

Joacaz Filho e sucessor de Jeú no trono do "Reino de Israel". Reinou por dezessete anos (814-798 a.C.) e cometeu vários pecados contra Javé.

Joada Em "Crônicas" é citado como filho de Acaz, neto de Mica, bisneto de Meribaal, trineto de Jônatas e tetraneto do rei Saul.

Joaden Natural de Jerusalém, foi a mãe de Amasias, soberano do "Reino de Judá".

Joanã (1) Filho de Elioenai, neto de Naarias, bisneto de Sequenias, trineto de Hananias, tetraneto de Zorobabel e descendente do rei Josias.

Joanà (2) Filho do rei Josias, neto de Roboão, bisneto de Salomão, trineto de Davi, tetraneto de Jessé e descendente de Judá.

JOANA A esposa de Cuzá (um dos administradores de Herodes) que seguia, entre outras mulheres, a Jesus, o Messias e aos Apóstolos.

JOANAM (1) Filho de Caré (ou Coré), era um dos comandantes dos judeus remanescentes do exílio babilônico e foi um dos adversários políticos do Profeta Jeremias.

JOANAM (2) Membro da família de Amarias era o  “Sacerdote Chefe” de sua família no tempo de Joaquim, o levita filho de Jesus e neto de Sadoc.

Joanan (1) Filho de Azarias, neto de Aquimaás, bisneto de Sadoc, trineto de Aquitob, tetraneto de Amarias e descendente de Levi.

Joanan (2) Membro da tribo de Gad, foi um dos seguidores de Davi quando esse fugia do rei Saul.

Joanan (3) Natural de Gederot e membro da tribo de Benjamim, foi um dos que seguiram Davi enquanto ele era perseguido pelo rei Saul.

      JOANAN (4) Descendente de Bebai foi um dos líderes dos hebreus que retornaram do exílio babilônico.

JOANAN (5) Filho de Eliasib era o Sacerdote (ou levita) que ocupava o aposento contíguo ao Templo reconstruído em Jerusalém.

JOANANN Filho de Hacatan e descendente de Azgad era o chefe de uma das famílias que seguiram Esdras no retorno no exílio na Babilônia.

JOÃO (1) Apelidado de “Gadis” era filho de Matatias, neto de João, bisneto de Simeão e descendente de Joarib, da linhagem de Finéias e de Aarão. Junto com seus irmãos (os Macabeus), foi um proeminente guerreiro nas lutas contra os Selêucidas, contra os Tolomeus e contra outros inimigos que hostilizavam a Jerusalém reconstruída após o exílio babilônico. Alguns estudiosos acreditam que foi um dos enviados por Judas Macabeu, a Lisias, com as exigências que fazia para aceitar o armistício proposto pelo assírio.

JOÃO (BOANERGES) – Apóstolo Filho de Zebedeu e de Maria Salomé e irmão de Tiago Maior levava o epíteto de Boanerges que significa “filho do trovão” em razão da impetuosidade de seu caráter. Era natural de Jerusalém e antes do apostolado foi discípulo de João Batista, o Precursor. Companheiro inseparável e fiel do Apóstolo Pedro, primeiramente evangelizou os Samaritanos e, depois, em Alexandria, em Éfesos e noutras províncias da Ásia Menor. Entre 93 a 98 dC. ficou exilado em Patmos devido à perseguição do imperador Domiciano e ali escreveu o Apocalipse (Revelação) onde narra as suas visões predizendo as tribulações da Igreja (o reino do Céu) e o seu triunfo final. Além de seu Evangelho (o 4o) e do Apocalipse que é o último livro da Bíblia, João escreveu mais três epístolas, sendo que de seus escritos foram encontrados no Egito alguns fragmentos em papiros que datam do principio do 2o século. Também coube a João a missão de amparar a Virgem Maria até a morte da mesma que ocorreu durante o reinado de Trajano, em Roma. Segundo a tradição, João morreu quase centenário, de causas naturais, em Éfeso.

JOÃO BATISTA – O PRECURSOR Filho de Zacarias e de Isabel, primo de Jesus, o Messias e alcunhado de “O Precursor (do Messias)” foi um homem de caráter enérgico, de vida austera e penitente e que se notabilizava por suas pregações e por batizar nas águas do rio Jordão àqueles que buscavam o perdão para seus pecados. Para Jesus era superior a todos os outros profetas por ser o precursor vaticinado por Malaquias que lhe chamava de “Elias”, aquele que precederia o “grande e terrível dia do Senhor [ O Juízo Final]”. É tristemente famoso o fim de sua vida que ocorreu em função de ter criticado em público o ímpio enlace entre Herodíade e Herodes Antipas do que lhe resultou a prisão e posteriormente a decapitação. Vale o registro que para alguns, após a transfiguração de Jesus, o Messias os apóstolos que a presenciaram entenderam que o Precursor seria a reencarnação do Profeta Elias. Ver Herodíade.

JOÃO HIRCANO Conhecido pela história com a alcunha de  “Hircano”,  sucedeu a Simão – dos Macabeus – seu pai. João foi líder dos hebreus e manteve acesa luta contra Antíoco VII Sidates, o qual, acabou por derrotá-lo subjugando, assim, todo Israel. Porém, quando Antíoco morreu num combate contra os Partos, João livrou o país do jugo estrangeiro e ampliou e consolidou o Estado Judeu. Foi ele o primeiro a cunhar moeda em seu nome e no da comunidade judaica. Reinou por trinta e um anos e foi dele o mais longo e feliz reinado da dinastia Asmonéia.

João (1) O pai do Apóstolo Pedro. João também é chamado de Jonas em alguns textos.

JOÃO (2) Pai de Eupolemo. Ver Eupolemo.

João (3) Personagem citada no "Ato dos Apóstolos" que exercia relevante cargo no Sinédrio. Dele nada mais se conhece.

Joaquim (JOIAKIN) (ELIACIM) Filho do rei Josias, neto de Amon, bisneto de Manassés e trineto de Ezequias. Ver Eliacim.

JOAQUIM (JOIAKIN) Filho de Eliasib, neto de Jojada, bisneto de Jonatan, trineto de Jadua e descendente de Levi. Era um dos levitas que serviam no Templo.

JOAQUIM (1) O pai da Virgem Maria e avô materno de Jesus, o Messias. Joaquim também é chamado de Cleófas, de Sadoc e de Eli.

JOAQUIM (2) O Sumo Sacerdote da Judéia na época do ataque de Holofernes.  Ver Judite.

JOARIB (JOIARIB) Descendente da linhagem de Finéias – filho de Aarão e neto de Levi – era o chefe da primeira das vinte e quatro classes em que era dividido o grêmio dos Sacerdotes nos turnos de serviço no Templo da Jerusalém reconstruída após o exílio babilônico.

Joás (1) Filho de Abiezer (Jazer?) descendente de Manassés e pai de Gedeão, um  dos “Juizes Maiores”.

Joás (2) Filho de Becor, neto de Benjamim, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.

Joás (3) Filho de Sela, neto de Judá, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.

Joás (4) Filho e sucessor de Joacaz no trono o "Reino de Israel". Reinou por dezesseis anos e cometeu vários pecados contra Javé.

Joás (5) Príncipe durante o reinado de Acab, no "Reino de Israel". Junto com o governador Amon, foi ele quem prendeu o profeta Miquéias seguindo a ordem do rei.

Joás (6) Sobrinho de Ocozias e de Jozabad, que o salvou, foi o único sobrevivente do massacre da família real executado por ordem da usurpadora rainha Atalia.

Joás (7) O supervisor dos depósitos de azeite durante o reinado do rei Davi.

Joás (8) Filho de Joacaz era o secretário de Governo durante o reinado de Josias no "Reino de Judá".

Joás (9) Filho de Samaá e membro da tribo de Benjamim, foi um dos que seguiram Davi enquanto ele era perseguido pelo rei Saul.

Joatão (1) Descendente de Jaadai e membro do clã de Caleb, o filho de Hesron e descendente de Judá.

Joatão (2) Filho caçula de Gedeão (um  dos “Juizes Maiores”), neto de Joás e descendente de Manassés era irmão de Abimelec que usurpou o direito sucessório quando Gedeão morreu.

Joatão (3) Filho e sucessor de Ozias no trono do "Reino de Judá". Tinha vinte e cinco anos quando foi coroado e reinou por mais dezesseis, em Jerusalém. Foi ele quem mandou construir a Porta Superior no Templo de Javé e foi em sua época que o "Reino de Judá" sofreu ataques de Rason, rei de Aram, e de Facéia, soberano do "Reino de Israel". Quando morreu foi sucedido por Acaz, seu filho. Sua mãe chamava-se Jerusa e era filha de Sadoc.

Jobab (1) Filho de Elfaal, neto de Elfaal (homônimo do filho), bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.

Jobab (2) Filho de Saaraim e de Hodes era o chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.

Jobab (3) Filho de Jectã (Joctan), neto de Héber, bisneto de Salé, trineto de Arfaxad e tetraneto de Noé

Jobab (4) Filho de Zara de Bosra, foi o sucessor de Bela no trono de Danaba.

Jobab (5) Rei de Merom e um dos inimigos derrotados pelos hebreus.

Jocabed Tia e esposa de Aram (Amram) e mãe de Moisés, de Aarão e de Maria.

Jocanan (1) Filho de Meselemia e descendente de Coré e de Levi. Era um dos “Porteiros” do Templo em Jerusalém. Jocanan  é a grafia em hebraico do nome “Jônatas”.

JOCANAN (2) Filho de Tobias e genro de Mesulam, filho de Baraquias.

Jocmaam Geralmente é identificada com a localidade chamada de Jocnaam, em “Josué”. Porém, aquela que é citada em "Crônicas" parece diferir da outra em função do contexto em que está colocada. Em “Josué” é grafada como Kibsaim que em hebraico é muito semelhante à Jocnaam. De qualquer forma, sabe-se, que se encontrava no território da tribo de Efraim e era uma “Cidade Levitica” dos caatitas.

JOCNAAM Localidade situada a 10 km a noroeste de Magedo, ao pés do Monte Carmelo. Atualmente é relacionada com Tell Kaimum. Ver também Jocmaam.

Joctanitas Vocábulo que designa todos os árabes.

JOED Filho de Fadaías, neto de Colaías, bisneto de Maaséias, trineto de Eteel, tetraneto de Isaías e descendente de Benjamim. Era um dos líderes dos hebreus que se estabeleceram na Jerusalém reconstruída durante o governo de Neemias, após o exílio babilônico.

JOEL – PROFETA Nome hebraico que significa  “Javé é Deus”. O Profeta Joel, filho de Fatuel, não menciona em seus escritos qualquer rei ou reino e em função dessa falta de referencial discute-se ainda hoje qual seria a época em que ele viveu. Os estudiosos modernos acreditam que foi após o exílio babilônico, época mais condizente com as condições sociais e históricas de sua mensagem. Também os outros aspectos de sua vida são ignorados.

Joel (1) É citado em "Crônicas" como descendente de Caat e de Levi e chefe de um dos clãs dessa tribo.

Joel (2) Filho de Carmi, neto de Rúben, bisneto de Jacó, trineto de Isaac, tetraneto de Abrão e um dos chefes da tribo de seu avô.

Joel (3) Filho de Izraia, neto de Ozi, bisneto de Tola, trineto de Issacar e tetraneto de Jacó.

Joel (4) Descendente de Simeão e um dos líderes de sua tribo.

Joel (5) Filho de Samuel (O Juiz), neto de Elcana, bisneto de Jeroam, trineto de Eliab, tetraneto de Naat e descendente de Caat e de Levi. Tal como o pai, Joel era juiz em Bersabéia, mas ao contrário de Samuel era corrupto e rejeitado por Israel. Essa rejeição é que levou os hebreus a pedirem que Samuel entronizasse um rei que o sucedesse na liderança dos israelitas.

Joel (6) Irmão de Natan, era um dos chamados "Heróis de Davi", grupo de guerreiros fiéis ao rei Davi.

Joel (7) Filho de Laandan e descendente de Gerson e de Levi foi um dos convocados pelo rei Davi para transportar a "Arca da Aliança" de Cariat Jearim para Jerusalém.

Joel (8) Filho de Azarias e descendente de Caat e de Levi, foi um dos levitas que sob as ordens do rei Ezequias, do "Reino de Judá", purificaram o Templo de Jerusalém.

      JOEL (9) Descendente de Bani, foi um dos líderes dos hebreus que retornaram do exílio babilônico

Joel (10) Filho de Fadaías, era o chefe  da meia tribo ocidental de Manassés durante o reinado do rei Davi.

JOEL (11) Descendente de Nebo, era um dos líderes dos hebreus que retornaram do exílio babilônico.

JOEL (12) Filho de Zecri e descendente de Benjamim era o “prefeito” da Jerusalém reconstruída após o retorno do exílio babilônico.

Joela Filho de Jeroam, de Gedor, foi um dos que seguiram Davi enquanto ele era perseguido pelo rei Saul.

Joezer Coraíta e membro da tribo de Benjamim, foi um dos seguidores de Davi na época em que ele era perseguido pelo rei Saul.

Jogli Descendente de Dã e  pai de Boci, um dos  chefes de sua tribo.

Joiada (1) O pai de Banaías, o chefe dos cereteus e dos felesteus durante o reinado de Davi.

Joiada (2) Ver Jojada.

Joiakim Ver Joaquim (Eliacim).

Joiaquim A outra grafia ou o outro nome de Jeconias, filho de Eliacim e neto do rei Josias do "Reino de Judá". Ver Jeconias.

Joiarib (1) Filho de Azarias, neto de Helkias, bisneto de Mesulam (Salum), trineto de Sadoc, tetraneto de Meraiot e descendente de Levi. Era um dos Sacerdotes no Templo de Jerusalém quando da assunção do rei Davi ao trono de Israel.

JOIARIB (2) Filho de Saraías, neto de Azarias, bisneto de Helkias, trineto de Salum, tetraneto de Sadoc e descendente de Eleazar e de Aarão. Era membro da classe dos Sacerdotes na Jerusalém reconstruída após o exílio babilônico e o ancestral de Matenai.

JOIARIB (3) Filho de Zacarias, neto de Aías (o Silonita) e descendente de Farés e de Judá. Era um dos líderes dos hebreus que se estabeleceram na Jerusalém reconstruída durante o governo de Neemias, após o exílio babilônico.

JOIARIB (4) Ver Joarib.

JOIO Erva que contém propriedades narcóticas e cuja aparência é muito semelhante ao trigo. Espalhar suas sementes nos trigais era uma ato malvado comum nos tempos de Jesus, o Messias.

Jojada (1) Filho de Banaías e descendente de Levi, era um dos conselheiros do rei Davi.

JOJADA (2) Filho de Eliasib – o Sumo Sacerdote na Jerusalém reconstruída após o exílio babilônico – era casado com uma das filhas de Sanabalat, o horonita. Esse casamento,  por ser contrário à  “Lei”  revigorada por Esdras,  custou-lhe a expulsão da comunidade.

JOJADA (3) Filho de Fase, foi um dos que ajudaram na reconstrução de Jerusalém, após o exílio babilônico, sob a supervisão de Neemias.

JOJADA (4) Filho de Jonatan, neto de Jadua e descendente de Levi. Era um dos levitas que serviam no Templo.

Jojada (Joiada)(5) Sacerdote no "Reino de Judá" era o marido de Josabat e o genro do rei Jorão. Junto com a sua mulher, Jojada salvou o herdeiro do rei, chamado de Joás, do extermínio praticado pela usurpadora rainha Atalia e, depois, juntou os chefes civis e militares e com eles proclamou Joás rei. Jojada foi fiel e dedicado servidor do Senhor e morreu em avançada idade.

Jokin (Joaquim) Filho de Sela, neto de Judá, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.

Jomam Filho de Simon, neto de Odaia, bisneto de Caleb, trineto de Jefoné e descendente de Judá.

Jonadab (1) Filho de Sama e sobrinho do rei Davi. Jonadab era amigo de Amnon, filho de Davi, e foi quem o aconselhou a usar de falsidade para poder violentar Tamar ( a irmã de Amnon).

JONADAB (2) Descendente de Recab, foi um dos chefes da tribos dos Recabitas. Viveu no século IX a.C. e foi um fiel aliado do rei Jeú (do "Reino de Israel") na luta contra o culto pagão. Ver Recabitas.

JONAS – PROFETA Filho de Amitai (ou Hamitai) e natural de Gad-Hefer deve ter vivido no inicio do século VIII a.C. O Profeta Jonas ficou célebre na literatura e na arte cristã em razão do episódio em que foi engolido e depois expelido do ventre de uma baleia.

JONATAN (1) A grafia hebraica do nome  “Jônatas”.

Jonatan (2) Filho de Ozias era o administrador dos reais tesouros campestres durante o reinado de Davi.

Jonatan (3) Filho de Samaa e sobrinho do rei Davi, foi o executor, em combate, de um “gigante” filisteu da linhagem dos rafaítas.

Jonatan (4) Tio do rei Davi e um dos preceptores de seus filhos.

      JONATAN (5) Descendente de Adin e pai de Ebed que foi um dos comandantes dos hebreus no retorno do exílio babilônico.
     JONATAN (6) Descendente de Asael e de Levi, foi contemporâneo de Esdras na Jerusalém reconstruída após o exílio babilônico.

JONATAN (7) O escrivão da tribo de Benjamim. Foi em sua casa que o Profeta Jeremias ficou preso, acusado de trair o povo judeu.

JONATAN (8) Filho de Jadua e descendente de Levi. Era um dos levitas que serviam no Templo.

JONATAN (9) Filho de Semaías, neto de Matanias, bisneto de Mica, trineto de Zacur, tetraneto de Asaf e descendente de Levi. Foi o pai de Zacarias, membro da classe dos Sacerdotes e um dos que regressaram do exílio babilônico.

JONATAN (10) O Sumo Sacerdote do Templo em Jerusalém que comandou o apedrejamento do Diácono Estevão e que por isso foi destituído de seu posto uma vez que a pena de morte era prerrogativa do poder romano.

JONATAN (11) Membro da família de Maluc era o  “Sacerdote Chefe” de sua família no tempo de Joaquim, o levita filho de Jesus e neto de Sadoc.

JONATAN (12) Membro da família de Semeías era o  “Sacerdote Chefe”  de sua família no tempo de Joaquim, o filho de Jesus e neto de Sadoc.

Jônatas (1) Descendente da linhagem de Gerson e de Levi e natural de Belém, Jônatas exercia as funções sacerdotais de modo itinerante como era habitual em sua época. Foi ele que se alojou na residência de Mica e tornou-se o sacerdote de sua casa.

Jônatas (2) Filho de Abiatar, um dos sacerdotes durante o reinado de Davi.

Jônatas (3) Filho de Sagei, “O Ararita”, era um dos chamados "Heróis de Davi". Estes, compunham um grupo de proeminentes guerreiros fiéis ao rei Davi.

Jônatas (4) Natural de Arar, filho de Sama, neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz e tetraneto de Salmon. Jônatas era sobrinho do rei Davi.

Jônatas (5) O primogênito do rei Saul, neto de Cis, bisneto de Abiel, trineto de Seror, tetraneto de Becorat e descendente de Benjamim. Jônatas era um valoroso chefe militar e amigo fraternal de Davi, para quem renunciou o seu direito à sucessão e a quem ajudou em diversas ocasiões.

Jônatas (6) Filho de Jada, neto de Onam, bisneto de Jerameel, trineto de Hesron,  tetraneto de Farés e descendente de Judá.

JÔNATAS (7) Apelidado de Afus, era filho de Matatias, neto de João, bisneto de Simeão e descendente de Joarib, da linhagem de Finéias e de Aarão. Junto com seus irmãos (os Macabeus) foi um proeminente guerreiro nas lutas contra os Selêucidas, contra os Tolomeus e contra outros inimigos que hostilizavam a Jerusalém reconstruída após o exílio babilônico. Foi o sucessor de Judas Macabeu.

JÔNATAS (8) Em hebraico, Jonatan ou Jocanan. Foi o pai de Jádua e um dos Sumos Sacerdotes na época do retorno do exílio babilônico.

JÔNATAS (9) Filho de Absalão era um dos valorosos comandantes da forças hebréias no tempo dos Macabeus. O nome Jônatas significa “Deus deu” e, provavelmente, seja uma outra forma de grafar Matatias que significa  “Dom de Deus”.

JOPE O mesmo que Jafa. Ver Jafa.

    JORA O ancestral de uma das famílias hebréias que retornaram do exílio na Babilônia.

Jorai Filho de Abiail, neto de Huri, bisneto de Jaroá, trineto de Galaad, tetraneto de Micael e descendente de Gad.

Joram  Descendente de Caat e de Levi era um dos Sacerdotes contemporâneos do rei Josafá, no "Reino de Judá".

Jorão (1) Filho de Josafá, neto de Asa, bisneto de Abiam, trineto de Roboão e tetraneto de Salomão. Sucedendo ao pai  assumiu o trono do "Reino de Judá" quando tinha trinta e dois anos e após ser coroado matou todos os seus irmãos e alguns outros “príncipes” do reino. Reinou por  oito anos, em Jerusalém.

Jorão (2) Filho e sucessor do rei Acab no trono do "Reino de Israel". Jorão reinou por doze anos em Samaria e cometeu vários pecados contra Javé.

Jordão Célebre rio que percorre toda a Palestina no sentido norte-sul, num total de 109 km, vindo a desaguar no Mar Morto. Todas as suas nascentes encontram-se aos pés do monte Hermom e no seu curso superior forma dois lagos: o antigo Semeconitis (atual Hule) e o de Genesaré (ou Tiberíades).

Josa Filho de Amasias, é citado em "Crônicas" como descendente de Simeão e um dos líderes de sua tribo.

Josab Hesed Filho de Mosolam, neto de Zorobabel, bisneto de Fadaías, trineto de Jeconias, tetraneto de Joaquim e descendente do rei Josias.

JoSabá (JOSABÁT) Filha do rei Jorão (do "Reino de Judá" ), irmã de Ocozias (Acazias), esposa do Sacerdote Jojada e tia de Joás (filho de Ocozias), a quem salvou do ataque da usurpadora rainha Atalia. Em “Reis” este nome é grafado sem o “t” da desinência feminina.

JOSABÁD (1) Descendente de Fasur foi um dos Sacerdotes que retornaram do exílio babilônico

JOSABÁD (2) Filho de Jesus, neto de Josédec e descendente da linhagem de Levi, foi um dos Sacerdotes que inventariaram as ofertas oferecidas para a reconstrução do Templo em Jerusalém após o retorno do exílio babilônico.

Josabias Filho de Saraia, é citado em "Crônicas" como descendente de Simeão e um dos líderes de sua tribo.

Josafá (1) Filho de Ailud, era o porta-voz do rei Davi. Durante o reinado de Salomão continuou a desempenhar essa função.

Josafá (2) Filho de Azuba e de Asa, a quem sucedeu no trono do "Reino de Judá". Josafá era neto de Abiam, bisneto de Roboão e trineto do rei Salomão. Tinha trinta e cinco anos quando assumiu o governo e reinou por vinte e cinco.

Josafá (3) Natural de Matan, era um dos chamados "Heróis de Davi", grupo de guerreiros fiéis ao rei Davi.

Josafá (4) É citado em "Crônicas" como um dos Sacerdotes que tocavam Tuba durante o transporte da "Arca da Aliança" de Cariat Jearim para Jerusalém.

Josavia Filho de Elnaam, era um dos chamados "Heróis de Davi", grupo de guerreiros fiéis ao rei Davi.

Josbecassa Filho de Heman e descendente de Levi era um dos “Cantores” do Templo em Jerusalém.

José – PADROEIRO O esposo da Virgem Maria e o pai terreno de Jesus, o Messias. Sua ascendência aparece nos Evangelhos de Mateus e de Lucas e ambos enfatizam o fato de ser da linhagem do rei Davi: filho de Jacó (Eli), neto de Matã (Matat), bisneto de Eleazar (Levi), trineto de Eliud (Melqui), tetraneto de Aquim (Janai). Alertado por um Anjo sobre a origem divina da gravidez de sua esposa, José tomou a si a responsabilidade de zelar pela reputação da mesma e pelo bem estar da família. Após o período em que se refugiaram no Egito para escaparem do infanticídio decretado por Herodes, José e a família voltaram a residir em Nazaré onde ele exerceu o seu oficio de carpinteiro até o fim da sua vida, que se deu antes de Jesus iniciar sua vida pública. São José é considerado o padroeiro da Igreja Universal.

José – PATRIARCA Filho de Jacó, neto de Isaac, bisneto de Abrão, trineto de Taré e tetraneto de Nacor. José foi vendido por seus irmãos que lhe invejavam as atenções que recebia do pai. Graças aos dons proféticos que Javé lhe concedeu conquistou a simpatia de seus senhores egípcios e acabou tornando-se o Governador do Egito, país onde acolheu o seu pai e seus irmãos. Foi o patriarca de duas (Manassés e Efraim) das dozes tribos de Israel. Em hebraico o vocábulo José vem do verbo “Jasaf” que significa: “ajuntar, acrescer”.

JOSÉ (1) Descendente de Simeão, era da linhagem da qual descendeu a heroína Judite. Ver Judite.

JOSÉ (2) É citado em  "Macabeus 2" como um dos irmãos de Judas Macabeu. Porém, em "Macabeus I"  não há nenhum José dentre os irmãos de Judas e, destarte, alguns corrigem essa parte do texto para  “João”.

     JOSÉ (3) Um dos líderes dos hebreus que retornaram do exílio babilônico.

José BARSABÁS Um dos dois candidatos à sucessão de Judas Iscariotes no grupo dos Apóstolos. Foi, porém, preterido pelos onze Apóstolos que optaram por Matias. Barsabás também era conhecido como “O Justo”.

JOSÉ DE ARIMATÉIA Rico habitante de Arimatéia (outrora chamada de Ramá ou Ramataim) e fiel discípulo de Jesus, o Messias de quem resgatou o corpo e deu digna sepultura.

JOSÉ DE ZACARIAS É citado em "Macabeus I" como o encarregado de chefiar os hebreus enquanto Judas Macabeu ia em socorro dos judeus residentes no território de Galaad, na Transjordânia.

Josédec Filho de Saraías, neto de Azarias, bisneto de Helkias, trineto de Salum, tetraneto de Sadoc e descendente de Levi. Josedéc era o (principal?) Sacerdote quando ocorreu o exílio na Babilônia. Foi, também, o pai de Jesus (ou Josué), um dos comandantes e condutores dos hebreus no retorno desse exílio.

Joséf (1) Filho de Asaf e descendente de Levi era um dos “Cantores” do Templo em Jerusalém.

JOSÉF (2) Membro da família de Secanias era o  “Sacerdote Chefe” de seu clã no tempo de Joaquim, o levita filho de Jesus e neto de Sadoc.

Josias (1) Filho de Amon e de Idida, foi proclamado pelo povo o sucessor do pai (que morrera vitima de conspiradores) no trono do  “Reino de Judá”. Tinha apenas oito anos quando foi coroado e reinou por trinta e um. Foi fiel a Javé e reconstruiu as estruturas religiosas e morais dos hebreus. Quando morreu, em combate contra os egípcios, foi sucedido por Joacaz, seu filho.

JOSIAS (2) Filho de Sofonias, foi o líder de um dos grupos de judeus que regressaram do exílio babilônico.

      JOSIFIAS Descendente de Bani e pai de Salomit que foi um dos comandantes dos hebreus no retorno do exílio babilônico.

JOSUÉ (JEHOSUA) É um nome hebraico que significa: “O Senhor é a Salvação”. É sinônimo de Oséias, de Osaías, de Isaías e de Jesus.

Josué Filho de Nun, neto de Elisama, bisneto de Amiud, trineto de Laadan,  tetraneto de Taan e descendente de Efraim e de José. Josué foi o sucessor de Moisés na liderança dos hebreus e foi o comandante do povo na conquista da “Terra Prometida”. Tinha, nessa época, oitenta anos, morreu aos cento e dez e é reverenciado como uma das figuras mais importantes na história de Israel.

Jota Localidade que se situava a sudoeste de Zif, no sul da Palestina, no território da tribo de Judá.

Jotam Filho de Jadai e membro do clã de Caleb, o filho de Hesron, neto de Farés e bisneto de Judá.

Jotão O mesmo de Joatão. Ver Joatão.

Jozabad (1) Filho de Semarit (ou Somer), o moabita, foi um dos conspiradores que executaram Joás, soberano do "Reino de Judá".

Jozabad (2) Membro da tribo de Manassés, foi um dos que seguiram Davi enquanto ele era perseguido pelo rei Saul.

Jozabad (3) Natural de Gederot e membro da tribo de Benjamim, foi um dos que seguiram Davi enquanto ele era perseguido pelo rei Saul.

Jozabad (Elzabad) (4) Filho de Obed-Edom e descendente de Coré e de Levi. Era um dos “Porteiros” do Templo em Jerusalém.

Jozacar Oficial que traiu e matou o rei Joás do "Reino de Judá". Jozacar era filho de Semaat.

Jubal Filho de Ada e de Lamec, neto de Matusael, bisneto de Maviael, trineto de Irad, tetraneto de Henoc e descendente de Caim. Foi o antepassado dos tocadores de lira e flauta.

Jucadam Localidade pertencente ao território da tribo de Judá. Situava-se na região de montanhas.

JUCAL Filho de Selemias, foi um dos enviados pelo rei Sedecias ao Profeta Jeremias para que ele pedisse clemência a Javé ante a ameaça dos caldeus.

Judá – PATRIARCA Filho de Jacó e de Lia, neto de Isaac, bisneto de Abrão, trineto de Taré e tetraneto de Nacor. Judá foi o patriarca da tribo de Israel que se tornou a mais importante dentre todas. De sua linhagem descendeu o rei Davi e o Messias.

JUDÁ (1) Um dos líderes dos levitas que voltaram do exílio babilônico sob o comando de Jesus, filho de Josédec.

JUDÁ (2) Filho de Hasenua e descendente de Benjamim era o “subprefeito” da Jerusalém reconstruída após o retorno do exílio babilônico.

JUDAS BARSABÁS Membro do grupo de chefes da comunidade cristã de Jerusalém. Também era considerado um verdadeiro Profeta. Provavelmente foi irmão de José Barsabás.

JUDAS DE CALFI Um dos comandantes das tropas de Jônatas, dos Macabeus.

JUDAS (1) Filho de Simão, dos Macabeus, foi um dos escolhidos pelo pai para sucedê-lo nas lutas contra Cendebeu – General De Antíoco Vii – e contra outros inimigos. Judas foi morto junto com seu pai por Tolomeu, filho de Abub, no forte Doc.

JUDAS (2) Habitante de Damasco e o hospedeiro de Saulo que ficara cego após a visão de Jesus, o Messias. Foi em sua casa que Saulo foi curado através de Ananias.

JUDAS ISCARIOTES – Apóstolo Nascido em Queriote, Judas é tristemente famoso por ter sido o traidor de Jesus, o Messias em troca de trinta moedas de prata. Após a morte do Messias, Judas cometeu suicídio enforcando-se numa figueira e o seu nome tornou-se um símbolo da iniqüidade humana. Vale o registro que a sua infame traição, bem como a recompensa recebida, foram profetizadas por Jeremias.

JUDAS MACABEU Filho de Matatias, neto de João, bisneto de Simeão e descendente de Joarib, da linhagem de Finéias e de Aarão. Designado por seu pai para comandar as tropas dos hebreus fiéis a Javé, na Jerusalém reconstruída após o exílio babilônico, obteve inúmeras vitórias sobre os inimigos de Israel. Por sua valentia e por sua fidelidade à  “Lei Mosaica”  tornou-se um dos heróis dos hebreus. Foi em sua época que os judeus fizeram a primeira aliança com os romanos. Ver Macabeus.

JUDAS TADEU – Apóstolo Descendente da linhagem do rei Davi, natural da Galiléia, irmão de Tiago Menor e primo de Jesus, o Messias, Tadeu fez as suas pregações na Mesopotâmia, Palestina, Síria, Arábia e Armênia onde foi o primeiro a manifestar apoio a um rei estrangeiro, o soberano Algar, de Edessa. Judas Tadeu também foi ao Oriente onde acabou sendo martirizado. No Novo Testamento três personagens com o nome de Judas são mencionados e segundo alguns estudiosos o autor da “epístola de Judas” é distinto desse Apóstolo, porém, é uma tese controversa.

JUDAS, O GALILEU Essa personagem leva esse adjetivo por ter empreendido uma rebelião na Galiléia, embora fosse natural de Gâmala, na Gaulonítide, além do lago de Genesaré, razão pela qual os seus partidários ficaram conhecidos por “Gaulonites”. Revoltaram-se durante o Recenseamento de Quirino, por volta de 6 dC., sendo a rebelião mais violenta que houve até 70 dC. e arrastou boa parte da população e chegou a destruir partes de Jerusalém.

JUDÉIA Nome derivado de Judá que é usado para designar o território dessa tribo, situado no sul da Palestina. Frequentemente também é utilizado para nomear toda a região ocupada pelos judeus.

JUDITE (1) Filha de Merari, neta de Os, bisneta de José, trineta de Oziel, tetraneta de Helkias e descendente de Simeão, filho de Jacó. Judite era viúva de Manassés e habitava em Betúlia quando houve o cerco à cidade por parte das forças de Holofernes, general assírio. Usando de astúcia, Judite conquistou a confiança do general inimigo e decapitou-o, fato que proporcionou a vitória dos hebreus. Judite, destarte, tornou-se uma heroína para os judeus.

Judite (2) Filha do heteu Beeri, esposa de Esaú e nora de Isaac

Juizes Os líderes hebreus que geriram a nação após a morte de Josué (o sucessor de Moisés) até a coroação do rei Saul. Costuma-se separá-los entre “Menores” e “Maiores”. Aos primeiros competia a administração do cotidiano. Aos segundos, cabia as questões mais relevantes, isto é, aquelas que exigiam a intervenção de mais de uma tribo. Juizes Maiores: Otoniel, Aod, Débora e Barac e Gedeão. Juizes Menores: Samgar, Tola, Jair, Abesã (Ibsan), Elon e Abdon.

JÚLIA Uma das caras irmãs de fé que o Apóstolo Paulo cita em sua Epístola aos Romanos.

JÚLIO Centurião da corte do Imperador foi o encarregado de transportar o Apóstolo Paulo até Roma.

Juta Cidade cuja localização exata é desconhecida. Também é possível que esse nome tenha sofrido corrupção por parte dos copistas da Bíblia. Sabe-se, contudo, que foi uma “Cidade Levitica” governada pelos Caatitas.


 

Devo contribuir?
Ao receber o Senhor Jesus Cristo como seu Salvador, uma das primeiras coisas que você irá aprender é que Deus é amor. Como resultado disto, você logo perceberá que o amor precisa de uma forma prática para se expressar. Você aprenderá que há uma relação entre amar e dar. Deus é um Deus que nos dá muitas coisas. Amar e dar estão intimamente ligados nas Escrituras. “O Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim” (Gl 2:20), e “Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito” (Jo 3:16). Continuar Lendo...
Desenvolvido por Palavras do Evangelho.com