40) A Primeira Multiplicação de Pães 
 
Mt 14:13-21 (e Mc 6:30-44; Jo 6:4-13) 
 
Explicação e ensinamentos: 
1 - A compaixão de Jesus: 
Jesus, contristado com a execução de João, que antecedeu à Sua própria rejeição, retira-Se da multidão. Mas o Seu coração continua cheio de compaixão com os pobres. "Movido de íntima compaixão", como tantas vêzes já fez, também agora Ele cura os fracos (v.14). Ao anoitecer do mesmo dia, Ele, o Jeová e o herdeiro do trono de Davi, dá de comer aos pobres (Salmo 132: 11,15). 
2 - Sua ajuda: 
O povo sente uma necessidade interior, pois segue a Jesus para ouvir a Sua Palavra; porém fé o povo não tinha. Os próprios discípulos ainda não O conheciam como o Jeová, na Sua misericórdia e no Seu poder. Eles O fazem lembrar de que já é hora de despedir a multidão. Jesus, pois, fez mais do que pediram e mais do que poderiam esperar (Ef 3:20). Ele despediu a multidão, mas antes disto lhes deu de comer. Ao mesmo tempo Ele pôs à prova os discípulos (v. 16). Eles não o conheciam ainda como aquele Jeová que durante 40 anos alimentara o Seu numeroso povo de Israel no deserto. Filipe e André encaram a situação de momento, do ponto de vista dos recursos humanos (Jo 6: 5-9). Isto é sinal de pouca fé. A fé conta com Deus, pondo-O acima das dificuldades. Jesus dá graças antes de comerem (faça os crianças entenderem a importância da oração à mesa!). (* Salmo 145:15-16). 
3 - Um grande milagre:
Os 5 pães sem dúvida eram pequenos, pois um menino os levava (Jo 6:9). O pão se multiplica nas mãos de Jesus, O criador de todas as coisas. Os discípulos vieram repetidamente a pegar o pão com Ele, levando-o aos grupos até que os milhares estão saciados (* Salmo 34: 8). Encheram-se 12 cestos com os pedaços que sobraram. (Faça uma comparação deste caso com o de Eliseu, que é uma figura do Senhor: 2 Reis 4:42-44). Os pedaços foram recolhidos. É um sinal de ordem (Deus é um Deus de ordem) e de economia! (ou moderação). [Essa multiplicação dos pães lembra as bênçãos no futuro reino do Messias. (Salmo 132, 15)). 
4 - O efeito do milagre sobre o povo: 
Pelo fato de o povo ver que Jesus era capaz de corresponder as necessidades físicas, queria fazê¬10 rei (Jo 6: 14-15). Antes disso, porém, importava que Ele se tornasse o salvador deles. Porém Israel não sentiu a necessidade da salvação. Israel se importava somente com suas carências físicas, mas não sua falta espiritual. A maioria deles vinha a Jesus por causa do pão, mas não para receber perdão dos pecados. 
Assim Jesus teve de se retirar. Pergunte às crianças quais são os desejos e anseios delas: De ordem espiritual ou material - por o que elas oram? 
 
Devo contribuir?
Ao receber o Senhor Jesus Cristo como seu Salvador, uma das primeiras coisas que você irá aprender é que Deus é amor. Como resultado disto, você logo perceberá que o amor precisa de uma forma prática para se expressar. Você aprenderá que há uma relação entre amar e dar. Deus é um Deus que nos dá muitas coisas. Amar e dar estão intimamente ligados nas Escrituras. “O Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim” (Gl 2:20), e “Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito” (Jo 3:16). Continuar Lendo...
Desenvolvido por Palavras do Evangelho.com