FARISEUS E SADUCEUS

 “E Jesus lhes disse: Vede e acautelai-vos do fermento dos fariseus e dos saduceus” (Mateus 16.6).

Toda e qualquer palavra dita pelo Senhor Jesus é cheia de profunda instrução para os
cristãos. É a voz do Sumo Pastor. É a grande Cabeça da Igreja falando a todos os seus
membros — o Rei dos reis falando a Seus súditos — o Dono da casa falando a Seus
servos — o Capitão da nossa salvação falando aos Seus soldados. Acima de tudo, é a voz
dAquele que diz: “Porque eu não tenho falado por mim mesmo, mas o Pai, que me
enviou, esse me tem prescrito o que dizer e o que anunciar” (João 12.49). O coração de
todo crente no Senhor Jesus deveria arder no peito quando ouve as palavras do seu
Mestre: ele deveria dizer: “É a voz do meu amado!”1 (Cantares 2.8).
E cada palavra proferida pelo Senhor Jesus é de imenso valor. As Suas palavras de
doutrina e ensino são preciosas como ouro; preciosas são todas as Suas parábolas e
profecias; preciosas são todas as Sua palavras de conforto e de consolação; preciosas, e
não menos importantes, são todas as Suas palavras de cautela e advertência. Não
devemos apenas ouvi-lO quando Ele diz: “Vinde a mim, todos os que estais cansados e
sobrecarregados”; devemos ouvir também quando Ele diz: “Tende cuidado e guardaivos”.
Vou concentrar minha atenção, agora, a uma das mais solenes e enfáticas advertências
que o Senhor jamais pronunciou: “Vede e acautelai-vos do fermento dos fariseus e dos
saduceus”. Por meio deste texto pretendo levantar um farol para todos que desejam
salvar-se, para preservar algumas almas, se possível, de naufragar na vida. Nossos
tempos exigem em alta voz esse tipo de farol: os naufrágios espirituais dos últimos vinte
e cinco anos têm sido lamentavelmente numerosos. Os vigias da Igreja deveriam levantar
claramente a voz agora, ou então calar-se para sempre.

PARA CONTINUAR A LEITURA, CLIQUE===>Fariseus e Saduceus 

Devo contribuir?
Ao receber o Senhor Jesus Cristo como seu Salvador, uma das primeiras coisas que você irá aprender é que Deus é amor. Como resultado disto, você logo perceberá que o amor precisa de uma forma prática para se expressar. Você aprenderá que há uma relação entre amar e dar. Deus é um Deus que nos dá muitas coisas. Amar e dar estão intimamente ligados nas Escrituras. “O Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim” (Gl 2:20), e “Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito” (Jo 3:16). Continuar Lendo...
Desenvolvido por Palavras do Evangelho.com