Tomar, em Vez de Pedir

Certa ocasião, perguntei a um fazendeiro se já gozava da salvação em Cristo.

"Ainda não, mas tanto a minha mulher quanto eu estamos ansiosos a este respeito. Não passa um só dia sem que leiamos um capítulo da Bíblia e peçamos a Deus que nos salve".

"Então pedem a Deus que os salvem?"

"Sim, senhor".

"Pois me desculpe pela franqueza, mas preciso dizer-lhe que o senhor e a sua esposa estão errados. O caso não é de pedir, mas de tomar. Deus quer que se reconciliem com Ele. Não há necessidade nenhuma de estarem aí pedindo a Deus a salvação, quando Ele mesmo diz que "estava em Cristo reconciliando consigo o mundo" (2 Coríntios 5:19). O que precisam fazer é crer na Palavra de Deus confiando na morte do Senhor Jesus Cristo".

"Senhor quer dizer, então, que não preciso perder tempo pedindo a Deus a salvação?"

"Exatamente, Cristo já fez na cruz tudo quanto era preciso. Deus quer que o senhor creia que o sangue de Cristo é suficiente para a purificação de todos os seus pecados (1 João 1:7)."
Uma verdade, senhor, nunca me ocorreu que a salvação fosse de aquisição tão fácil. Mas agora com esta explicação entendi e aceito que a morte do Senhor Jesus é suficiente para me livrar dos meus pecados".

Citei-lhe a palavras do Senhor Jesus em João 6:47:
"Na verdade, na verdade vos digo que aquele que crê em mim tem a vida eterna".

"Agora sim!", observou o fazendeiro. "Vejo tudo claramente. Antes andava com a vista vendada".

Com isto, separamo-nos.
Meses depois, tomei a encontrar-me com ele, feliz por ter aceitado o dom de Deus, que é a vida eterna, (Romanos 6:23), em vez de continuar pedindo-a.
Deixaram de pedir a salvação para tratar logo de tomá-la, agradecendo ao Altíssimo tão maravilhosa prova do Seu infinito
amor.

COMO PODE SER ISSO?

Esta pergunta foi feita por um homem, inteligente e bem conceituado na nação Israelita. Acabava de ser informado enfaticamente que sem nascer de novo, não podia ver o reino de Deus (João 3:3). Perplexo, ele ponderou como seria possível passar por um novo nascimento e perguntou: "Como pode um homem nascer sendo velho? Porventura pode tornar a entrar no ventre de sua mãe e nascer?" (João 3:4). A visão espiritual de Nicodemos era limitada pela sua compreensão do mundo em que vivia. Para ele, a pessoa nascia e vivia e morria e pronto. Nossa sociedade está repleta de pessoas bem intencionadas que não aceitam a Bíblia nem a mensagem contida nela porque não confere com a lógica. Fazem perguntas como a seguinte:

POSSO REALMENTE ACEIT AR QUE A BÍBLIA É A PALAVRA DE DEUS?

Muitos fatos podiam ser apresentados para justificar a plena confiança na Bíblia. Entre estes um dos mais impressionantes é a precisão das profecias a respeito do Senhor Jesus. Por exemplo, Miquéias 5:2 indica que o Senhor Jesus nasceria em Belém. A maneira em que Ele morreria está descrita em Salmo 22:16, "transpassaram-me as mãos e os pés". O preço que Judas receberia por traí-lo está predito em Zacarias 11:12; "trinta moedas de prata".
A Palavra de Deus dirige-se a você e diz: "Olhai para mim, e sereis salvos, vós todos os termos da terra" (Isaías 45:22). É realmente impressionante que o Deus do céu tem tanto desejo de salvá-Io do seu pecado! Mas você pergunta:

SERÁ POSSÍVEL QUE UM DEUS DE AMOR ME MANDARIA PARA O INFERNO?

Quem sabe façamos outra pergunta. Pode um Deus justo e santo admitir um pecador no céu, um lugar santíssimo? Através do sacrifício e sofrimento infmito de Seu amado Filho na cruz, Ele pode, uma vez que o pecador arrependido receba Seu Filho como Salvador todo suficiente. Mas caso contrário aquele versículo solene de Hebreus 2:3 traz sua mensagem de muito peso: "Como escaparemos nós, se não atentarmos para uma tão grande salvação". Para quem não aceita a salvação oferecida por Deus, não resta outra alternativa a não ser sofrer eterna separação de Deus no Inferno e no Lago de Fogo.

MAS HÁ PESSOAS QUE COMETERAM PECADOS TERRÍVEIS. PODE HAVER SALVAÇÃO PARA OS TAIS?

O Deus que não pode mentir já se manifestou a respeito desta pergunta: "O sangue de Jesus Cristo, seu Filho, nos purifica de todo o pecado"(1 João 1:7) Aquele que se classificou como o "principal dos pecadores", foi salvo (1 Timóteo 1:15). Refere-se ao apóstolo Paulo. Deus já proveu o perdão de pecados de toda a natureza pela morte de seu Filho. Se o aceitar pode ter a certeza absoluta de ser definitivamente perdoado e de nunca se encontrar no tormento eterno (Atos 10:43).

Devo contribuir?
Ao receber o Senhor Jesus Cristo como seu Salvador, uma das primeiras coisas que você irá aprender é que Deus é amor. Como resultado disto, você logo perceberá que o amor precisa de uma forma prática para se expressar. Você aprenderá que há uma relação entre amar e dar. Deus é um Deus que nos dá muitas coisas. Amar e dar estão intimamente ligados nas Escrituras. “O Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim” (Gl 2:20), e “Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito” (Jo 3:16). Continuar Lendo...
Desenvolvido por Palavras do Evangelho.com