Pescadores de Homens 29 de maio

 

29 de maio

 

“Disse-lhes Jesus: Vinde após mim, e eu vos farei pescadores de homens.” (Marcos 1:17)

 

     Somente seguindo ao Senhor Jesus, obteremos o que nosso coração aspira, e seremos realmente úteis aos nossos próximos. Quanto ansiamos por sermos pescadores de homens, a serviço do Senhor Jesus! Gostaríamos de sacrificar a nossa vida para ganharmos almas. Mas existe o perigo de empregarmos o que o Senhor nunca teria usado. Devemos ceder à insinuação do inimigo? Se o fizermos, bem poderemos agitar a água, mas não pegaremos nenhum peixe. Devemos agir como o Senhor, se quisermos ter êxito. Métodos sensacionais, programas que prometem agradar e coisas semelhantes – isso tudo é seguir ao Senhor Jesus? Pode-se imaginar que o Senhor tenha atraído os seus ouvintes através de métodos como são usados muitas vezes hoje? Qual é o resultado de tais métodos? Nada que o Senhor levará em conta, o resistirá no dia do juízo.

 

     Temos de pregar como o Mestre fazia. Pois só assim almas serão salvas. Temos que pregar doutrina de nosso Senhor e anunciar um evangelho pleno e livre; pois esta é rede com a qual almas serão ganhas. Precisamos pregar com Sua mansidão, ousadia e amos; porque esse é o segredo do êxito junto aos corações humanos. Temos que trabalhar com unção divina e confiar no Espírito Santo. Seguindo ao Senhor, não correndo adiante dEle ou a seu lado, seremos pescadores de homens.

 

 

(Extraído do Livro - Jóias de Promessas Divinas – União Cristã – C. H. Spurgeon)

 

Devo contribuir?
Ao receber o Senhor Jesus Cristo como seu Salvador, uma das primeiras coisas que você irá aprender é que Deus é amor. Como resultado disto, você logo perceberá que o amor precisa de uma forma prática para se expressar. Você aprenderá que há uma relação entre amar e dar. Deus é um Deus que nos dá muitas coisas. Amar e dar estão intimamente ligados nas Escrituras. “O Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim” (Gl 2:20), e “Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito” (Jo 3:16). Continuar Lendo...
Desenvolvido por Palavras do Evangelho.com